Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Coluna

Tempo para treinar: Essa desculpa não cola mais!

Você leva uma vida sedentária? Acompanhe as importantes dicas da personal trainer Patrícia Alessi e altere seu corpo e sua mente.

Existem alguns fatores que nós usamos como desculpa para não praticar exercícios físicos regulares. A “desculpa” campeã é  ‘não tenho tempo para treinar’!

O tema dessa semana parece ser tão simples, mas que acaba tornando uma desculpa (criando uma barreira) para não praticar exercícios físicos e isso vai se prolongando ao longo dos meses até anos.

Para manter e até melhorar o condicionamento físico do corpo é necessário praticar pelo menos 30 minutos de atividades físicas por dia, durante 5 a 7 dias por semana. É importante, levar em consideração que cada um de nós temos nossos compromissos de trabalho, estudos, família, filhos e que muitas vezes não temos “todo esse tempo disponível” para nos exercitarmos. Porém, muitas pessoas precisam mudar e fazer com que os exercícios físicos fazem parte da rotina durante a semana, ou seja, abandonar o sedentarismo pois ele pode e vai comprometer sua saúde e qualidade de vida mais cedo ou mais tarde, isso é fato.

Percebo em muitos alunos que querem começar a treinar, alegam que o tempo é “curto” e que as vezes 1 hora de treino é muito. Nesses casos, inserir os exercícios físicos dentro da sua rotina precisa de um tempo de organização, para que mais tarde, treinar seja um hábito e não um sacrifício.

Para contar um pouco do seu dia a dia e como os exercícios fazem parte da sua rotina, essa semana eu trago a experiência do meu amigo e aluno da academia em que trabalho, Allan de Araújo.

Assim como muitos brasileiros, Allan, acorda em torno de 4:40h da manhã para ir trabalhar, passa o dia todo fora e somente volta para casa depois das 18h. Ao chegar em casa, ele se arruma e vai para a academia.

Allan pratica exercícios físicos a 7 anos, logo quando terminou a faculdade, ele já estava focado nos treinos. Após passar alguns meses sem praticar, devido ao trabalho intenso, por orientação médica, ele retomou seus treinos a 2 anos. “Durante uma avaliação médica periódica, fui intimado pelo médico a voltar à prática de exercícios em função de alterações nos meus exames”.

Allan comenta que ele consegue ir para a academia de segunda a sexta feira: “Faço três dias de musculação (treinos de aproximadamente 1h de duração) e dois dias de treino funcional (treinos de 50min a 1h de duração). Como meu horário de trabalho não ajuda muito, só posso treinar à noite”

Para os dias que Allan não consegue ir para a academia, a sensação que ele sente é de frustração. “Mesmo tendo aquela preguiça depois de um dia de trabalho, fico frustrado quando não consigo ir treinar. Fica mesmo uma sensação de dia incompleto, por já me sentir condicionado a chegar em casa, trocar de roupa e seguir para academia. Meu organismo já está bem adaptado à rotina”.

Para finalizar essa parte, deixo aqui as palavras de incentivo a você que ainda usa essa desculpa do “não tenho tempo” para se exercitar.

Veja também:  Profissão: Fingir que você não é o centro das atenções

“Sobre ter ou não tempo para treinar é uma decisão pessoal, uma questão de iniciativa. A grande maioria das pessoas não dispõe de muito tempo livre e aquela preguiça pós-jornada de trabalho só contribui para que essa desculpa seja quase um hino. Não se deixe convencer que não há tempo para cuidar da saúde por estes motivos. É só ter coragem de dar o primeiro passo, sair do estado de inércia. Acredite: depois que você entrar no ritmo, vai ser difícil fazer você parar”.

Quero agradecer a participação do Allan como personagem da coluna desta semana! Espero que como ele, outras pessoas busquem se exercitar regularmente, abandonando de vez as desculpas!

Para você que quer começar, organize sua rotina para que os exercícios físicos façam parte dela, não existe resultados sem sacrifícios. Para isso, se for necessário acordar 5h da manhã, acorde disposto a mudar a sua condição física atual, talvez precise perder o jogo ou a novela, faça por você e sua auto- estima. Se precisar “abrir mão” de algum hábito antigo em nome do exercício físico, não pense duas vezes;

A falta de tempo para treinar não é uma desculpa mais. Muitos alunos buscam o primeiro horário da manhã para treinar e todos eles continuam sã e salvos!

Em dias que você não estiver com tanto tempo disponível, evite conversas paralelas e até mesmo o uso do celular na academia, eles podem estar atrapalhando seus resultados!!

A minha orientação para os meus alunos e as pessoas que conversam comigo e que gostariam de voltar ou até mesmo começar a treinar é: Busque uma atividade que lhe de prazer em fazer. Se você gosta de dançar, ir para a academia fazer musculação de cara não será uma boa escolha, não acha? Exercícios físicos não é somente musculação e academia fechado, existe uma variedade enorme de opções (correr, pedalar, nadar, jogar algum esporte, praticar alguma luta, etc);

Procure quebrar as “barreiras” que por ventura surgirem no seu caminho e não pegue nenhum atalho para chegar ao seu objetivo. Se sua vizinha perdeu 10 kg em 1 mês, desconfie deste santo milagroso! Não de ouvidos aos comentários que surgirão ao longo deste tempo;

Sua motivação tem que fazer parte da sua vida todos os dias, encontre a sua e vai para os treinos!

Deixe uma resposta