Decreto municipal proíbe funcionamento de academias, bares, restaurantes e similares em Conceição do Araguaia

Documento foi redigido em resposta à Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público Estadual.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Prefeitura de Conceição do Araguaia divulgou o Decreto Municipal nº 0111/2020, que determina a proibição do funcionamento de academias, bares, restaurantes, lojas de conveniência e similares, pelo prazo de 14 dias.

No decreto, fica permitido que os bares, lanchonetes e similares mantenham suas atividades no sistema de delivery.

O documento será publicado e terá validade a partir de amanhã (08.07). Ele foi redigido após decisão da Justiça, em resposta à Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público Estadual, 3ª Promotoria de Justiça de Conceição do Araguaia, visando reduzir os impactos da transmissão da Covid-19 no município, decorrentes da continuidade das atividades indicadas como não essenciais.

De acordo com a Secretária de Saúde do município, Elaine Salomão, apesar dos números estarem crescendo em Conceição do Araguaia, o Sistema de Saúde não colapsou e tem conseguido manter o atendimento às pessoas que precisam.

“Estamos tentando fortalecer nossa Atenção Básica, dando atendimento aos pacientes logo no início da doença, para que não haja necessidade de enviar pessoas doentes para a alta complexidade, no entanto, é uma determinação judicial e nós vamos acatar”, explica a secretária.

Segundo Elaine, ainda há vagas nos leitos do município e nenhum dos dois respiradores da cidade está sendo utilizado.