Conceição do Araguaia: Município amplia medidas contra a Covid-19 e proíbe entrada de pessoas de outras cidades

A proibição, que começou na última sexta-feira (18), segue até 31 de julho. Para fazer cumprir o decreto, o município montou barreiras sanitárias nos acessos ao município por meio terrestre e fluvial
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Ampliando as medidas de combate à Covid-19, a Prefeitura de Conceição do Araguaia, no sul do Pará, proibiu a entrada na cidade de pessoas vindas de outros municípios. A proibição começou na sexta-feira (18), quando foi assinado o novo Decreto municipal Nº 0244/2021, e segue até 31 de julho.

Para garantir o cumprimento do decreto, foram montadas barreiras sanitárias nos acessos ao município por via terrestre e fluvial. O Decreto, assinado pelo prefeito em exercício, Rondiney de Oliveira, proíbe também o transporte de passageiros realizado por via fluvial e o os serviços de táxi e mototáxi para transporte de passageiros intermunicipais.

Nas barreiras sanitárias, além das equipes de saúde, guarnições da Policia Militar e do Departamento de Trânsito estão fazendo a fiscalização dos veículos que chegam à cidade. O município já tinha decretado lockdown, como medida de combate a proliferação do novo coronavírus.

De acordo com o bandeiramento epidemiológico do governo do estado, a região do Araguaia, que engloba o município, saiu da cor laranja (de risco médio) e passou para amarelo (risco intermediário). Mesmo assim, o município decidiu ampliar as medidas preventivas, tentando reduzir o número de casos da doença no município, onde a rede de saúde está com lotação quase total devido ao atendimento de pacientes com Covid-19.

Conceição do Araguaia conta com um Hospital Regional, mas a casa de saúde atende pacientes de outros municípios da região sul do estado. Por isso, o município tenta reduzir o número de casos domésticos, que vem em escala de crescimento desde o mês passado.

Tina DeBord