Xinguara registra a primeira morte de morador do município pela Covid-19

A vítima é um produtor rural de 65 anos, que estava internado desde a semana passada no Hospital Regional de Marabá
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Secretaria Municipal de Saúde de Xinguara, no sudeste do Pará, confirmou na tarde de ontem, domingo, 3 de maio, a primeira morte de morador do município pela Covid-19. A vítima é o produtor rural Valdir Miguel de Araújo, de 65 anos.

A confirmação do óbito foi feita pela secretária municipal de Saúde, Janaína Pereira Ferreira. De acordo com ela, o idoso estava internado no Hospital Regional de Marabá e faleceu ontem.

O produtor rural morava em uma chácara que fica na localidade conhecida como André,  na BR-155, em direção ao município de Sapucaia, vizinho a Xinguara. A secretária informou, em vídeo divulgado pelas redes sociais, que o idoso deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) na semana passada com suspeita da doença.

Como seu estado de saúde era grave, ele foi transferido para o Hospital Regional de Marabá. “Infelizmente a fatalidade chegou a nosso município e as estatísticas que estávamos vendo pelos noticiários agora também serão de pessoas queridas do nosso município”, frisou Janaína.

A secretária reforçou o pedido para que a população siga as recomendações de prevenção ao novo Coronavírus. Ela alertou que a situação é grave e que, se não houver colaboração da população, mais casos fatais podem ocorrer no município.

Até ontem Xinguara tinha confirmado 12 casos de Covid-19. Desse total, quatro estão recuperados, cinco seguem em isolamento domiciliar; dois internados na UTI do Hospital Regional de Redenção, um homem com quadro estável e uma mulher em estado grave; um óbito; e 49 casos foram descartados.

As Equipes do Comitê Epidemiológico monitoram ainda 34 pessoas. Os monitorados são aqueles que tiveram alguma ligação com casos confirmados do novo Coronavírus.

Em boletim divulgado, a Secretaria de Saúde informou que só ontem foram feitos cinco atendimentos pelo Disque Saúde e 11 na UPA, desses, 10 pessoas com sintomas respiratórios. Três suspeitos aguardam o resultado do exame em isolamento hospitalar, no Hospital Municipal, com quadro estável.

Publicidade