Esportes

Tapajós e São Francisco só empatam no Estádio Barbalhão

No chamado clássico dos desesperados, Tapajós e São Francisco acabaram ficando no empate, em 1 a 1, em partida válida pela 8ª rodada do Campeonato Paraense, realizada na noite deste sábado (16), no Estádio Jader Barbalho, o Barbalhão, em Santarém.  O Leão santareno abriu o placar em um golaço de falta assinalado pelo meia Alexandre, aos 35 minutos do 1° tempo. O Boto foi em busca do empate e alcançou com Daivison, aos 14 minutos da etapa final.

O resultado não foi bom para as equipes, mas foi menos pior para o Tapajós, que segue na quarta colocação do Grupo A2, com sete pontos somados, enquanto que o São Francisco não consegue sair da lanterna do Grupo A1, com apenas cinco pontos e ameaçado para retornar a Segundinha do Parazão.

O jogo: Tapajós 1 x 1 São Francisco – Clássico empatado!

O jogo começou com pressão para os dois lados, principalmente para o São Francisco, que segura a lanterna e muito ameaçado contra o rebaixamento.  O Tapajós assustou primeiro, após defesa do goleiro Labilá, o meia Andrezinho acabou perdendo a chance de abrir o marcador. Outra vez o Boto levou perigo, quando Léo Feitosa cobrou escanteio, o zagueiro Sandro subiu de cabeça e a bola passou raspando a trave do goleiro Labilá.

Quando o Leão chegou foi fatal. Alexandre cobrou falta com perfeição, a bola foi no ângulo do goleiro Jader, que foi e não achou nada, um golaço, aos 35 minutos, 1 a 0 São Francisco. O Tapajós ainda tentou o empate no primeiro tempo, mas Léo Feitosa teve a chance e chutou pela linha de fundo. Na etapa final, o Boto da Amazônia se atirou ao ataque. O atacante Daivison, que havia acabado de entrar no lugar de Léo Feitosa, deu passe para Andrezinho marcar, o meia finalizou e Labilá fez a defesa.

A estrela do atacante brilhou logo depois. Em uma confusão dentro da área do Leão, a bola sobrou para o atacante Daivison, que aproveitou de deixou tudo igual, aos 14 minutos, 1 a 1 no Barbalhão. O Tapajós chegou a virar o jogo, aos 36 minutos, com o gol de Ricardinho, mas a arbitragem assinalou impedimento. O desespero começava a bater no time do São Francisco, que foi para o ataque. Em uma bola na área, o zagueiro Careca tentou marcar de bicicleta, a redonda desviou na zaga do Tapajós e foi para escanteio.

O Boto tentou o gol da vitória com o atacante Ricardinho, que arriscou um chute, mas a bola foi fraca em cima do goleiro Labilá. Placar final: Tapajós 1 x 1 São Francisco. As duas equipes seguem brigando contra o rebaixamento.  

FICHA TÉCNICA

TAPAJÓS: Jader; Lucas Vitor, Henrique, Sandro e Júnior; Paulo Curuá, Fabinho, Andrezinho e Léo Feitosa (Daivison); Silvio (Igor Gabriel) e Ricardinho. Técnico: Walter Lima

SÃO FRANCISCO: Labilá; Pedro Henrique, Careca, Douglas e Andrelino; Boquinha, Yan (Wendell), Kleber Queiroz (Cristian Belém) e Alexandre; Rafael Paty e Jefferson Monte Alegre (Daniel Papaléguas). Técnico: Júnior Amorim

Árbitro: Silvério Ferreira Pinto

Assistentes: Ernélio Arlisson da Silva Santos e Carlos Alexandre Lima de Azevedo

Quarto árbitro: Elivélton Galvão Mota

Cartões amarelos: Silvio e Henrique (Tapajós);Pedro Henrique, Andrelino e Daniel Papaléguas (São Francisco)

Gols: Alexandre, de falta, aos 35 minutos do 1° tempo para o São Francisco

Local: Estádio Jader Barbalho, o Barbalhão, em Santarém  

Renda: R$ 2.605,00

Pagantes: 160

Credenciados: 293

Total: 453

Classificação do Parazão 2019

Grupo A1

1° Remo: 15 pontos

2° Águia: 9 pontos

3° Bragantino: 8 pontos

4° Castanhal: 6 pontos

5° São Francisco: 5 pontos

Grupo A2

1° Paysandu: 17 pontos

2° Independente: 17 pontos

3° Paragominas: 12 pontos

4° Tapajós: 7 pontos

5° São Raimundo: 2 pontos

Por Fábio Relvas / Foto: Dominique Cavaleiro – GloboEsporte.com

Deixe seu comentário