Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esporte

Com direito a hat-trick de zagueiro, Bragantino vence o Tapajós no Estádio Diogão

Gabriel Gonçalves marcou os três gols do Tubarão e time assumiu vice-liderança

O Bragantino Clube do Pará começou sua arrancada rumo à classificação para as semifinais do Campeonato Paraense. Na tarde desta quarta-feira (6), o chamado Tubarão do Caeté, enfrentou o Tapajós de Santarém e venceu pelo placar de 3 a 2, no Estádio Olímpico São Benedito, o Diogão, em Bragança, em partida válida pela 4ª rodada. Com o resultado, o Bragantino chegou aos seis pontos e assumiu a segunda colocação do Grupo A1.

O Boto saiu na frente com o gol de Fabinho, aos 43 minutos do 1° tempo. O Tubarão empatou com o zagueiro Gabriel Gonçalves, aos 46. As emoções ficaram para a etapa derradeira. Outra vez, Gabriel Gonçalves assinalou aos 15 minutos. O Tapajós não desistiu e deixou tudo igual com o atacante Mariano, aos 17. A tarde era mesmo do zagueiro Gabriel Gonçalves, que fez um hat-trick e marcou, aos 32 minutos, garantindo a vitória do Braga.

O jogo: Tubarão 3 x 2 Tapajós

O Tapajós iniciou a partida tentando surpreender os donos da casa. Após lançamento para o atacante Mariano, a arbitragem assinalou impedimento. O Bragantino deu o troco bem rapidamente, e quase abriu o marcador.  Em um contra-ataque, Arian Taperaçu chutou e a zaga cortou, na sequência do lance, a bola foi para a área e a defesa conseguiu despachar o perigo, levantando a torcida do Tubarão nas arquibancadas.

A pressão era toda do Braga. Rafinha chutou cruzado para dentro da área, o goleiro Jader defendeu parcialmente e outra vez a zaga do Boto teve que cortar o perigo. O atacante Fidelis deu uma de suas arrancadas e chutou, a bola foi para fora assustando o goleiro Jader. O Tapajós conseguiu respirar, quando Mariano foi lançado e acertou um chute de primeira, o goleiro Axel atento, fez a defesa.

Em uma sobra de bola, Fidelis tentou marcar por cobertura, mas o goleiro Jader fez a defesa. O Boto estava aguardando uma oportunidade para dá o bote. A bola foi cruzada na área e no rebote, Léo pegou a sobra e disparou para a defesa de Axel. Quase o gol do time de Santarém. Em uma jogada rápida, o volante Fabinho recebeu passe, avançou e chutou para o fundo das redes, 1 a 0 para o Tapajós, aos 43 minutos. O Tubarão foi para o ataque e chegou ao empate. Bruno Limão cruzou da esquerda e o zagueiro Gabriel Gonçalves marcou de cabeça, aos 46 minutos, 1 a 1.

No 2° tempo, o Bragantino foi para o ataque em busca da virada. Em uma boa troca de passes, Arian ficou com a sobra e chutou, o goleiro Jader defendeu para o time do Boto. No lance seguinte, o Tapajós perdeu uma grande chance, quando Amaral cruzou e a bola passou na frente de dois jogadores que não conseguiram concluir para o gol. O Braga voltou a cruzar bola na área e o zagueiro Gabriel Gonçalves pegou a sobra e marcou o segundo dele, 2 a 1, aos 15 minutos.

Mas em um chute de fora da área, o goleiro Axel espalmou para frente e o atacante Mariano não perdoou e empatou para o Tapajós, aos 17 minutos, 2 a 2. O Tubarão não sentiu o gol e continuou buscando a vitória. Keoma disparou um chute venenoso e assustou o goleiro Jader. Luquinha fez boa jogada e cruzou na área e o zagueiro Gabriel Gonçalves completou para o gol, fazendo o hat-trick na partida, aos 32 minutos, 3 a 2 para o Bragantino.

A torcida do Tubarão fazia a festa nas arquibancadas, quando Will disparou e chutou com perigo, mas Jader evitou o quarto gol. Em uma cobrança de escanteio, Renato cabeceou e Axel defendeu, quase o gol de empate do Boto. O Braga quase ampliou em um contra-ataque, a bola chegou até Esquerdinha que disparou para a defesa de Jader. Placar final: Bragantino 3 x 2 Tapajós.

Classificação do Parazão 2019

Grupo A1

1° Remo: 6 pontos

2° Bragantino: 6 pontos

3° Águia: 4 pontos

4° Castanhal: 3 pontos

5° São Francisco: 0 ponto

Grupo A2

1° Paysandu: 6 pontos

2° Independente: 6 pontos

3° Paragominas: 6 pontos

4° Tapajós: 3 pontos

5° São Raimundo: 1 ponto

Por Fábio Relvas
Futebol

Bragantino vence o São Raimundo e conquista os três primeiros pontos no Parazão

O Tubarão bateu o Pantera e agora segue firme na luta por uma vaga nas semifinais

Por Fábio Relvas

A bola rolou para Bragantino e São Raimundo na tarde deste sábado (2), no Estádio Olímpico São Benedito, o Diogão, em Bragança. O Tubarão do Caeté foi para cima do adversário e, com o apoio da torcida, fez 3 a 1, conquistando a primeira vitória no Parazão. A partida foi válida pela terceira rodada. Os gols do confronto só saíram no segundo tempo com dois relâmpagos do Bragantino assinalados por Will e Esquerdinha, a menos de um e dois minutos, respectivamente. O Pantera diminuiu com Erick cobrando pênalti, aos 26 minutos. O Tubarão fechou o placar em um golaço de Luquinha, aos 38 minutos.

As duas equipes entraram em campo buscando a primeira vitória no Campeonato Paraense. Com o apoio da torcida, o Bragantino foi para cima em busca de seu objetivo. No primeiro tempo, algumas chances surgiram para o time da casa. O atacante Fidelis fez boa jogada individual e chutou em forma de lançamento, a bola passou por todo mundo. Em outra tentativa, Rafinha tentou marcar de cabeça e mandou para fora.

As emoções ficaram para o segundo tempo de jogo. Com dois gols relâmpagos, o Bragantino fez 2 a 0 no placar, com Will a menos de um minuto e Esquerdinha, que recebeu na área e fuzilou aos dois minutos para explosão dos torcedores nas arquibancadas do Estádio Diogão. O São Raimundo foi para o desespero após o apagão de sofrer dois gols em dois minutos. O atacante Raí chutou, a bola desviou e ficou fácil para o goleiro Axel defender para o Braga.

O Bragantino esperava o adversário para tentar matar o jogo no contra-ataque. Em um deles, Fidelis fez um carnaval pela defesa e chutou, mas o goleiro Jhones, atento, salvou os santarenos. No lance seguinte, o Pantera chegou mandando a bola na área, o atacante Erick foi derrubado por Esquerdinha dentro da área e o árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva, paraense da FIFA, marcou pênalti e mostrou cartão amarelo para o atleta do Tubarão.

O atacante Erick foi para a cobrança e converteu, mandando a bola no alto, sem chances para o goleiro Axel, aos 26 minutos, 2 a 1. Na saída de bola, o Bragantino quase ampliou com Fidelis, que disparou um chutaço e a redonda explodiu na trave. Depois do lance, o Tubarão cresceu na partida. Arian recebeu passe pela esquerda, se livrou da marcação e chutou, a bola tocou na rede pelo lado de fora. No lance seguinte, não teve jeito. Luquinha carregou bem pelo meio, cortou da marcação e disparou um chute de fora da área e acertou o ângulo da meta do goleiro Jhones, um golaço! Placar final: Bragantino 3 x 1 São Raimundo.

Classificação do Parazão 2019

Grupo A1
Remo: 3 pontos
Bragantino: 3 pontos
Águia: 1 ponto
Castanhal: 0 ponto
São Francisco: 0 ponto

Grupo A2
Paysandu: 6 pontos
Independente: 6 pontos
Paragominas: 6 pontos
Tapajós: 3 pontos
São Raimundo: 1 ponto