Supermercado Diamante é assaltado mais uma vez em Canaã dos Carajás

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

Há pouco mais de um ano, a filial do Supermercado Diamante das Casas Populares, em Canaã dos Carajás, foi inaugurada e os moradores da localidade aplaudiram a novidade comercial. No entanto, a clientela fixa e a distância para o Centro da cidade acabaram chamando a atenção de quem não devia: os bandidos. No ano passado, um assalto no mês de maio foi noticiado em toda a cidade. Três meses depois, em uma ronda cotidiana, os autores do crimes foram presos em uma motocicleta roubada.

Na noite desta quarta-feira (14), mais uma vez, funcionários e clientes viveram momentos de terror. Dois homens invadiram o supermercado e renderam os caixas, outros trabalhadores e o gerente. Um dos homens estava armado e pediu que os profissionais esvaziassem as gavetas de dinheiro. Sem esboçarem reação, os trabalhadores fizeram o ordenado e puseram o dinheiro em sacolas.

Veja o vídeo abaixo:

Para a fuga, os dois criminosos usaram o carro do gerente da unidade. O veículo era um Volkswagen Gol de cor prata. Os bandidos partiram em disparada. Em entrevista, o gerente falou sobre o ocorrido: “Tudo aconteceu por volta das 19:30. Estávamos no mercado e os dois elementos chegaram. Eles conseguiram levar mais ou menos R$ 700,00. Depois que recolheu o dinheiro que estava nos caixas, eles vieram até mim. Eu estava na mesa e eles procuraram dinheiro. Como eu não tinha, eles pegaram a chave do meu carro. Até o momento não tive mais notícias do meu veículo.”

O gerente ainda explicou que um amigo passou pelo local instantes depois do crime. Também de carro, os dois acompanharam os bandidos até a saída da cidade. Ao perceberem que estavam sendo seguidos, eles pararam o carro e deram dois tiros para cima. O ato acabou assustando o gerente e o amigo e eles se afastaram do local. Na última vez em que foram vistos, os bandidos estavam próximos da ocupação dos sem-terra na entrada da cidade.

O gestor do supermercado falou sobre a perda do veículo: “O que fica é um sentimento muito ruim. É um bem que a gente trabalha tanto tempo para adquirir e é para a minha necessidade, pois tenho uma esposa grávida, outro filho maior… A gente fica meio frustrado, pois está trabalhando e o cara chega para levar os bens da gente, sem a gente poder reagir a nada.”

A ação dos bandidos foi flagrada pelas câmeras de vigilância do supermercado. Um deles estava usando capacete e o outro apenas um boné. Em posse das imagens na manhã desta quinta-feira (15), a Polícia Civil já havia começado as investigações, mas até o fechamento desta matéria não havia sinal dos bandidos e nem do carro roubado.

Relacionados