Sindicato recorre à Justiça para que Dia do Comerciário seja respeitado em Jacundá

Órgão que defende os interesses da categoria solicita ao Judiciário que obrigue dois supermercados da cidade a fecharem as portas na data maior dos comerciários, a exemplo do que fazem outras empresas
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O Sindicato dos Empregados no Comércio e Serviços do Estado do Pará (SEC Pará), por meio da Delegacia Sindical de Jacundá, ingressou com duas ações no Fórum da Comarca de Jacundá para impedir a abertura de dois supermercados da cidade no próximo sábado (30). De acordo com a diretora da entidade no município de Jacundá, Regina Bezerra, os dois estabelecimentos são reincidentes no desrespeito ao Acordo Coletivo que proíbe o funcionamento da rede comercial no Dia do Comerciário, comemorado em 30 de outubro. “Esperamos ganhar essa liminar e garantir o fechamento desses comércios no Dia do Comerciário”. Os dois processos pedem o fechamento dos supermercados nesse sábado, dia 30.

Homenagens

Pelo segundo ano consecutivo, o sindicato não promoverá festa em homenagem aos trabalhadores devido o momento pandêmico. “Apesar de estarmos com 95% dos trabalhadores imunizados, muitos familiares não estão. E isso poderia aumentar os casos de covid no nosso município”.

As homenagens pelo Dia do Comerciário, comemorado amanhã (30), serão marcadas por um minitorneio de futebol e sorteio de prêmios on-line. Atualmente, segundos dados do Caged, um total de 1.855 trabalhadores estão formalizados no comércio e prestadores de serviços no município de Jacundá.

(Antonio Barroso)