Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esportes

Paysandu cede empate ao Oeste em Barueri e se aproxima da zona de rebaixamento

O Papão bem que saiu na frente abrindo 2 a 0, mas permitiu a reação do time paulista

O Paysandu Sport Club ficou no empate, em 2 a 2, diante do Oeste-SP, na noite deste sábado (21), na Arena Barueri, em Barueri-SP. A partida foi válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B e marcou a estreia do técnico Guilherme Alves no comando bicolor.

O jogo foi movimentado e o Paysandu chegou a abrir 2 a 0 no placar, com gols do meia Thomaz, aos quatro, e do volante Willyam, aos 24 minutos do 1° tempo. A equipe do Oeste reagiu e diminuiu ainda na primeira etapa com o gol de Pedrinho, aos 34 minutos. Logo no início da etapa final, aos cinco minutos, o Rubrão empatou com o tento de Carlinhos.

Com o placar de empate, o Paysandu segue na 14ª colocação com 18 pontos, a dois da zona de rebaixamento. O próximo compromisso do Papão será diante do Guarani-SP, nesta terça-feira (24), às 20h30, no Estádio da Curuzu, em Belém. A partida será válida pela 17ª rodada da Série B.

O jogo: Rubrão 2 x 2 Papão. Empate com sabor de derrota para o Paysandu!

O Paysandu começou o jogo com uma postura diferente e quase abriu o placar com o atacante Claudinho, que chutou e o goleiro Tadeu defendeu. Logo aos quatro minutos, após cobrança de falta na área, o goleiro Tadeu bateu roupa e a bola sobrou para o meia Thomaz, que mandou para o fundo do gol, 1 a 0 Papão. Para a festa da torcida bicolor que se fez presente na Arena Barueri.

Apesar de jogar fora de Belém, o time paraense estava se sentindo a vontade dentro de campo e logo chegou ao segundo. O volante Willyam arriscou de fora da área e acertou no ângulo, um golaço, aos 24 minutos, 2 a 0 Paysandu. Em uma jogada rápida do bicolor estadual, Moisés perdeu a grande chance de ampliar para os visitantes. O Oeste resolveu acordar e descontou. Conrado cruzou e o atacante Pedrinho de cabeça mandou para o fundo do barbante de Renan Rocha, aos 34 minutos, 2 a 1.

O Rubrão, como é chamado o Oeste começou a gostar da partida. Em uma bola na área, o meia Claudinho mandou para o fundo do barbante, mas a arbitragem assinalou impedimento e anulou o gol da equipe paulista. Mas logo aos cinco minutos da etapa final, o Oeste chegou ao empate. Mazinho chutou, a bola bateu na trave e nas costas do goleiro Renan Rocha e voltou nos pés de Carlinhos, que não perdoou e deixou tudo igual, 2 a 2.

Veja também:  Paysandu e Coritiba empatam na Curuzu com o resultado não sendo bom para as duas equipes

Minutos depois, o goleiro Tadeu fez uma lambança e quase entregou o terceiro gol bicolor. Na sequência, o garoto da base Willyam mandou um chute venenoso e quase ampliou para a equipe paraense. O time do Papão começou a mandar na partida novamente. Pedro Carmona cobrou escanteio, o zagueiro Perema subiu firme de cabeça, mas parou na boa defesa do goleiro Tadeu.

O lateral-esquerdo Conrado cruzou na área e na hora “h” o zagueiro Edimar fez o corte para o Paysandu. O Papão foi para cima e em uma cobrança de escanteio de Pedro Carmona, o goleiro Tadeu saiu mal de sua meta, mas o zagueiro Edimar sozinho perdeu um gol feito para o time paraense. Dionathã fez boa jogada e cruzou na área, ninguém da equipe bicolor chegou para chutar.

O time paulista começou a jogar bola na área e em uma delas, o zagueiro Edimar chegou aliviando o perigo que rondava a meta bicolor. O Paysandu teve a chance do terceiro com Alan Calbergue, que livre cabeceou para fora. Placar final: Oeste 2 x 2 Paysandu.

FICHA TÉCNICA

OESTE: Tadeu; Adriano Alves (Danielzinho), Joílson, Leandro Amaro e Conrado; Lídio, Betinho e Bonilha; Claudinho (Mazinho), Pedrinho (Raphael Luz) e Carlinhos. Técnico: Roberto Cavalo

PAYSANDU: Renan Rocha; Matheus Silva (Perema), Edimar, Diego Ivo e Matheus Muller; Willyam (Alan Calbergue), Nando Carandina, Claudinho, Pedro Carmona e Thomaz; Moisés (Dionathã). Técnico: Guilherme Alves

Árbitro: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)

Assistentes: Vinícius Melo de Lima (RN) e Jean Márcio dos Santos (RN)

Cartões amarelos: Betinho e Lídio (Oeste);  Willyam, Alan Calbergue e Dionathã (Paysandu)

Gols: Thomaz, aos quatro minutos e Willyam, aos 24 minutos do 1° tempo para o Paysandu; Pedrinho, aos 34 minutos do 1° tempo e Carlinhos, aos cinco minutos do 2° tempo para o Oeste.

Local: Arena Barueri, em Barueri-SP

Renda: R$ 8.055,00

Público: 907 pagantes

Por Fábio Relvas
Foto: Jefferson Vieira / Oeste FC

Deixe uma resposta