Vereadores da Câmara Municipal de Parauapebas voltam ao trabalho

Sessão Solene abriu as atividades do segundo semestre do Poder Legislativo Municipal. Na ocasião, o presidente da Casa apresentou um balanço do tralho dos 15 vereadores no primeiro semestre
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

Atendendo a convite do vereador Luís Castilho (PROS), presidente da Câmara Municipal de Parauapebas, feito no dia 27 de junho, quando ocorreu a última sessão do primeiro período legislativo de 2019, os vereadores se reuniram em sessão, na manhã desta quinta-feira, 1º de agosto.

Contando com a participação da Banda da Guarda Municipal e diversos secretários de governo, a Sessão Solene marca a abertura dos trabalhos legislativos, tendo a presença de 9 dos 15 vereadores que compõem o parlamento municipal. Nenhuma matéria foi votada, mas os vereadores foram à tribuna e falaram dos planos de trabalho para o novo período que se inicia.

Quem também se fez presente foi o suplente de vereador Rafael Ribeiro (MDB), que encerrou sua passagem naquele parlamento por 22 meses no lugar do vereador José das Dores Couto, o Coutinho, que comandou nesse período a Secretaria de Saúde.

Assim, a Sessão Solene da manhã desta quinta-feira deu por abertos os trabalhos legislativos neste segundo semestre de 2019, antecedendo à primeira sessão ordinária que acontecerá na próxima terça-feira, 6, quando serão votadas matérias dos Poderes Legislativo e Executivo.

 Otimista, o vereador Luís Castilho disse esperar uma atuação melhor do parlamento que no primeiro período apreciou e votou 338 matérias, sendo: 225 Indicações, 25 Moções, 25 Projetos de Decreto Legislativo, seis Emendas, seis Resoluções, seis Requerimentos e 45 Projetos de Lei de autoria do Poder Legislativo.

“É momento de somarmos para que toda a população de Parauapebas saia ganhando. E isso conseguiremos com a defesa dos interesses comuns propondo alternativas ao invés de apenas criticar”, disse Luís Castilho ao usar a tribuna.

Publicidade