Se fez de doido e tentou roubar moto da garagem da Polícia Civil

O audacioso descuidista queria pegar o presente de Natal antecipadamente, mas não deu certo
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

Tudo indica que o indivíduo Crismarley Borges Gonçalves deve estar ficando doido ou fumou alguma coisa estragada. Na manhã desta quarta-feira (11), por volta das 11h, ele simplesmente tentou furtar uma motocicleta da garagem da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, na maior cara de pau.

Quem percebeu a atitude audaciosa foi o investigador Marcos Luiz Alves Andrino, da Deam (Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher), que, já dentro de um veículo policial, quando se preparava para uma missão, notou que Crismarley, montado na moto Honda Biz 110, branca, placa QEH-5976, tentava sair com o veículo, ainda com o motor desligado, porém apesentava sinais de nervosismo.

A moto, em nome de Alessandra Rodrigues Cardoso, está apreendida naquela unidade policial, sob tutela do Estado, e estava a ponto de ser levada, quando o investigador Andrino desceu do carro e abordou Crismarley no portão da garagem.

Sem saber o que dizer, o homem ainda tentou disfarçar, afirmando que havia ido pegar apenas o capacete, que seria de propriedade dele, mas não deu certo. Foi autuado em flagrante por tentativa de furto, preso imediatamente e vai passar o Natal em cana.

(Caetano Silva)

Publicidade