Esportes

Remo goleia o Independente e dispara na liderança do Grupo A1

O Clube do Remo segue firme em busca do bicampeonato do Parazão. Na tarde deste sábado (9), o Leão Azul não tomou conhecimento do Independente e goleou o adversário, por 4 a 0, no Estádio Municipal Antônio Dias, o Navegantão, em Tucuruí. Com o resultado positivo, o Remo segue 100% no Campeonato Paraense, sendo três jogos e três vitórias e líder absoluto do Grupo A1.

45

Os azulinos marcaram o primeiro gol com Echeverría, quando o meia paraguaio acertou um belo chute de primeira e marcou um golaço, aos 15 minutos do 1° tempo. Na etapa final o Leão passeou em Tucuruí. O atacante Gustavo Ramos resolveu aparecer e marcou duas vezes, aos 24, e aos 27 minutos. Para fechar o placar sem piedade, Djalma recebeu passe e tocou com muita categoria, aos 43 minutos.

O jogo: Galo Elétrico 0 X 4 Leão Azul – O Leão foi moleque!

Os mascotes de Clube do Remo, o Leão e do Independente, o Galo, entraram em campo com a bandeira do Flamengo em homenagem as vítimas do trágico acidente no CT da base do time carioca, que matou 10 pessoas. Antes da bola rolar, o árbitro Joelson Nazareno Ferreira Cardoso deu um minuto de silêncio em memória das vítimas do incêndio.

Com a bola rolando, o jogo foi o encontro dos times 100% no Parazão 2019. O Remo foi para o ataque e abriu o marcador aos 15 minutos de jogo, quando Gustavo Ramos recebeu na direita e tocou para trás para o chute de primeira do meia Paraguaio Echeverría, um golaço, 1 a 0 Leão. Com o forte calor no Estádio Navegantão, o árbitro Joelson Nazareno Ferreira Cardoso autorizou a parada técnica para os jogadores se hidratarem.

Na volta, o Independente despertou para a partida. Diego cruzou da direita para a grande área, Caça-Rato cabeceou sozinho, mas mandou para fora, perdendo uma chance clara de empatar o jogo. O Leão respondeu e quase ampliou, quando o atacante Gustavo Ramos recebeu lançamento, se livrou da marcação e chutou firme, o goleiro Redson fez um verdadeiro milagre e salvou o Galo.

Na última chance clara da primeira etapa, Echeverría recebeu bom passe e chutou, a bola passou raspando a trave de Redson. No início do 2° tempo, o Galo entrou ligado na partida. Tiago Mandi se livrou da marcação e cruzou para o meio da área, a bola passou por todo mundo e ninguém conseguiu completar para a meta azulina. No lance seguinte, Fazendinha fez fila na zaga remista e chutou, o goleiro Vinícius se esticou todo e salvou o Leão do empate.

O Independente cresceu na partida e após cruzamento na área, Jari cabeceou e Vinícius operou um verdadeiro milagre, salvando a queima roupa. O Leão era perigoso em contra-ataques. Em um deles, Gustavo Ramos recebeu e disparou de fora da área, o goleiro Redson salvou para escanteio. O meia Wellington cabeça do Galo Elétrico cometeu falta mais dura, recebeu o segundo amarelo e consequentemente o cartão vermelho.

Com um a mais em campo e Remo teve espaço para atacar. Em mais uma jogada rápida, Gustavo Ramos se livrou da marcação e chutou com muita categoria, tirando do alcance do goleiro, aos 24 minutos, Leão 2 a 0. Só dava Remo. Em um contra-ataque, Emerson Carioca deixou Gustavo Ramos de frente com o goleiro Redson, o atacante remista deu um tapa na bola por cima do arqueiro e marcou um golaço, aos 27 minutos, 3 a 0.

Sem forças para reagir, o time da casa teve a chance de diminuir o placar. Após escanteio, o meia Jari sozinho conseguiu perder um gol feito e cabeceou para fora, sem goleiro. O Leão Azul foi mortal e definiu o marcador após uma boa triangulação, Djalma ficou de frente e tocou com categoria na saída de Redson, aos 43 minutos. Placar final: Independente 0 x 4 Remo.

FICHA TÉCNICA:

INDEPENDENTE: Redson; Diego (Joãozinho), Dedé, Charles e Mocajuba; Jarí, Wellington Cabeça, Fazendinha (Cabecinha) e Fabinho (Tiago Mandi); Caça-Rato e Ray Gol. Técnico: Charles Guerreiro.

REMO: Vinícius; Geovane, Kevem, Vacaria e Ronaell (Emerson Carioca); Dedeco, Welton e Echeverría (Laílson); Gustavo Ramos, Alex Sandro (Djalma) e David Batista. Técnico: João Neto.

Árbitro: Joelson Nazareno Ferreira Cardoso –CBF

Assistentes: Hélcio Araújo Neves e Rafael Bastos Cardoso

Cartões amarelos: Fazendinha, Caça-Rato e Wellington Cabeça (Independente); Ronaell, Echeverría e Emerson Carioca (Remo)

Cartão vermelho: Wellington Cabeça (Independente)

Gols: Echeverría, aos 15 minutos do 1° tempo; Gustavo Ramos, aos 24 e aos 27 e Djalma, aos 43 minutos do 2° tempo para o Clube do Remo

Local: Estádio Municipal Antônio Dias, o Navegantão, em Tucuruí

Classificação do Parazão 2019

Grupo A1

1° Remo: 9 pontos

2° Bragantino: 6 pontos

3° Águia: 4 pontos

4° Castanhal: 3 pontos

5° São Francisco: 0 ponto

Grupo A2

1° Paysandu: 6 pontos

2° Independente: 6 pontos

3° Paragominas: 6 pontos

4° Tapajós: 3 pontos

5° São Raimundo: 1 ponto

Por Fábio Relvas / Fotos: Luiz Carlos

Deixe seu comentário