Marabá

Prefeitura de Marabá contrata empresa para elaboração de projetos

Valor da licitação é de R$ 2,33 milhões. Projetos têm por finalidade a melhoria da oferta de serviços públicos, bem como qualidade de vida e desenvolvimento social no município.

O prefeito Tião Miranda quer entrar para história como gestor que mais obras públicas realizou em Marabá e no Pará em apenas um mandato. Não por acaso, a Prefeitura de Marabá, terceira mais endinheirada do estado, abriu licitação para registrar preços visando à contratação de uma empresa de engenharia para elaboração de projetos básicos e executivos, controle e acompanhamento de obras públicas.

A ideia é fazer de Marabá um canteiro de bons projetos e espaços públicos que ofereçam atendimento de qualidade à população e estimulem o desenvolvimento. As informações da licitação, cujos envelopes com propostas serão abertos no mês que vem, estão disponíveis aqui. O processo já recebeu parecer favorável para Procuradoria Geral do Município (Progem) no dia 23 de julho e aguarda os concorrentes.

O Blog do Zé Dudu folheou o edital da concorrência, assinado pela Secretaria Municipal de Viação e Obras Públicas (Sevop), e observou as regras do objeto oferecido, para o qual a administração de Tião Miranda está disposta a gastar até R$ 2.332.210,35. Para começar, os serviços são divididos em dois lotes: o 1, referente a projetos de arquitetura, paisagismo, elétrico, de combate a incêndio, entre outros, com custo de R$ 1.457.785,00; e o 2, que diz respeito a projeto estrutural, de drenagem e pavimentação, somando R$ 874.425,35.

A Prefeitura de Marabá quer que sejam elaborados estudo preliminar, anteprojeto e projetos básico e executivo de arquitetura para escolas, unidades de saúde, quadras de esporte, prédios para atividades culturais e unidades administrativas vinculadas ao governo municipal, projetos urbanísticos e paisagísticos para praças e parques e demais projetos relacionados à infraestrutura. A entrega de cada projeto varia de 45 dias a três meses, a depender do porte do projeto de interesse.

Vale lembrar que a administração de Tião Miranda é uma das que mais investem em serviços de infraestrutura entre as 144 prefeituras paraenses. Só as despesas com obras e instalações de sua gestão este ano somam R$ 29,4 milhões — 70% desse valor saíram do caixa da Sevop, conforme informações do portal da transparência.

Deixe seu comentário