Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esportes

Paysandu perde para o Sampaio Corrêa na Curuzu e segue sem vencer na Série B

Já são cinco jogos sem vencer, mas o Papão segue fora da zona de rebaixamento

O Paysandu Sport Club vem só decepcionando a Fiel Bicolor no Campeonato Brasileiro da Série B. Em partida realizada neste sábado (25), o Papão acabou perdendo para o Sampaio Corrêa-MA, por 1 a 0, no Estádio Leônidas Castro, a Curuzu, em Belém, pela 23ª rodada da competição nacional. Apesar de mais um derrota, o time bicolor segue fora da zona de rebaixamento.

O gol único do jogo foi assinalado pelo atacante Uillian, aos 24 minutos do 2° tempo, após uma falha da zaga. O Resultado deixou o Tubarão maranhense ainda na zona de rebaixamento, na 19ª colocação, agora com 21 pontos. Já o Papão segue em 16º lugar com 25 pontos.

O Paysandu volta a campo diante do Juventude-RS, na próxima sexta-feira (31), às 19h15, no Estádio Leônidas Castro, a Curuzu, em Belém. A partida será válida pela 24ª rodada da Série B.

O jogo: Papão 0 x 1 Tubarão!

Um duelo desesperador no Estádio da Curuzu. O Paysandu entrou em campo pressionado pela sequência negativa sem vencer há quatro partidas, enquanto o Sampaio Corrêa-MA, já na zona de rebaixamento, e sem conquistar uma vitória sequer há 12 jogos. Para piorar uma forte chuva caiu na capital Belém e os times pegaram um gramado bastante pesado para a prática do futebol.

A primeira chegada foi do Sampaio, em uma cobrança de falta de Jocinei, o goleiro Renan Rocha espalmou. O Paysandu respondeu com Thomaz, que mandou uma bomba para a grande defesa do goleiro Busatto. O Tubarão maranhense chegou com muito perigo com Matheusinho, que chutou por cima do travessão bicolor. Jocinei cobrou falta na área, Rogério desviou e Renan Rocha espalmou milagrosamente, evitando o gol dos visitantes.

Na segunda etapa, o Papão começou melhor. Em uma tabela, Hugo Almeida deixou Alan Calbergue na boa, mas o goleiro Busatto chegou abafando a jogada. A Bolívia do Maranhão deu o troco com o atacante Bruninho, que arrancou pela esquerda e soltou o bico, a bola foi em cima do goleiro Renan Rocha. A torcida do Paysandu não poupou vaias ao time e ao técnico Guilherme Alves.

Veja também:  O Paysandu vence o Guarani fora de casa e se mantém vivo na briga contra o rebaixamento

A coisa só piorou quando em uma bobeira da zaga bicolor, o atacante Uillian não perdoou e mandou para o fundo do barbante, abrindo o placar para o Sampaio Corrêa, aos 24 minutos, 1 a 0. Em um contra-ataque da Bolívia, Bruninho mandou para o fundo do gol, mas a arbitragem assinalou impedimento para a sorte do Papão. Seria o segundo tento do time maranhense. Placar final: Paysandu 0 x 1 Sampaio Corrêa. A torcida do Papão protestou contra o time e a diretoria e ainda por cima jogou objetos para dentro do gramado.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU: Renan Rocha; Jonathan, Perema, Fernando Timbó e Guilherme Santos; Renato Augusto, Lucas Geovani, Alan Calbergue (Moisés), Thomaz (Claudinho) e Pedro Carmona (Mike); Hugo Almeida. Técnico: Guilherme Alves.

SAMPAIO CORRÊA: Busatto; Luís Gustavo (Bruno Moura), Rogério, Maracás e Julinho; Adilson Goiano, Jocinei (Willian Oliveira), Fernando Sobral e Matheusinho (Eloir); Uillian e Bruninho. Técnico: Paulo Roberto.

Árbitro: Léo Simão Holanda (CE)

Assistentes: Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE) e Jailson Albano da Silva (CE)

Cartões amarelos: Guilherme Santos, Renato Augusto, Mike e Jonathan (Paysandu); Jocinei, Eloir, Fernando Sobral, Matheusinho e Luís Gustavo (Sampaio Corrêa)

Cartões vermelhos: Paulo Roberto (técnico do Sampaio Corrêa) e Adilson Goiano (Sampaio Corrêa)

Gol: Uillian, aos 24 minutos do 2º tempo para o Sampaio Corrêa

Local: Estádio Leônidas Castro, a Curuzu, em Belém

Renda: R$ 86.085,00

Pagantes: 3.996

Sócio Bicolor: 1.478

Credenciados: 1.330

Total: 5.326

Por Fábio Relvas
Foto: Fernando Torres / Ascom Paysandu

Deixe uma resposta