Marabá: PC investiga se mortes de vítimas encontradas no Rio Tocantins estão ligadas

Em Marabá foi encontrado o corpo de um homem e a cabeça de uma mulher às margens do rio na Folha 6. Em Itupiranga, na localidade conhecida como “Prainha”, foi encontrado o corpo de uma mulher sem cabeça, que seria da mesma vítima encontrada em Marabá
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Corpo de Bombeiros recolheu a cabeça de uma mulher, encontrada boiando no Rio Tocantins

Continua depois da publicidade

A Polícia Civil de Marabá e Itupiranga, no sudeste do Pará, estão investigando se o corpo de uma mulher sem cabeça, encontrado na tarde deste sábado (10) em um local conhecido como “Prainha”, em Itupiranga, pertence à cabeça encontrada pela manhã em Marabá. A cabeça foi encontrada por uma pescadora, boiando às margens do Rio Tocantins, na Folha 6, Núcleo Nova Marabá. 

Ela estava amordaçada com um pano vermelho. De início, a pescadora pensou que era um cachorro, mas ao olhar mais de perto viu que era a cabeça de uma mulher. O corpo foi encontrado por banhistas boiando no mesmo rio, já em Itupiranga, com os braços e pernas amarrados. 

O 5º Grupamento do Corpo de Bombeiros (5ºGBM), que integra a Operação “Verão 2021”, foi acionado e levou os restos mortais para a orla de Itupiranga, de onde foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Marabá, para realização de necropsia e saber se pertence à cabeça encontrada.

O corpo de um homem foi encontrado na última quinta-feira (8), no mesmo local em que a cabeça. A vítima foi executada com vários golpes de faca e esgorjada. Ela permanece sem identificação no IML de Marabá.

A Polícia Civil investiga se existe ligação entre as duas mortes. Até este sábado, ninguém havia procurado a 21ª Seccional Urbana de Marabá para fazer o reconhecimento dos corpos ou registrar Boletim de Ocorrência de desaparecimento de pessoas.

Tina DeBord