Destaque na produção de riquezas, Parauapebas supera 10 capitais em PIB

Marabá também rouba cena por ingressar no pelotão dos 100 mais ricos e Canaã dos Carajás se revela como um dos 10 de maior PIB per capita; Belém segue estagnada economicamente.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O ano de 2019 foi excelente para a economia de Parauapebas, que acumulou produção de riquezas de R$ 23,036 bilhões, R$ 7 bilhões acima dos R$ 15,995 bilhões de 2018. Quem acaba de observar esse movimento é o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulgou na manhã desta sexta-feira (17) a pesquisa do “Produto Interno Bruto (PIB) dos Municípios”, uma espécie de “censo” da produção econômica nacional nos 5.570 municípios.

O Blog do Zé Dudu mergulhou nos microdados do levantamento e constatou que a produção de riquezas parauapebense oficial daquele ano superou a de dez capitais estaduais: Teresina (PI), Florianópolis (SC), Vitória (ES), João Pessoa (PB), Aracaju (SE), Porto Velho (RO), Boa Vista (RR), Palmas (TO), Rio Branco (AC) e Macapá (AP). Vale ressaltar que o dado do PIB é diferente de outro dado costumeiramente divulgado pelo Blog, que é o de arrecadação das prefeituras, que só leva em consideração o dinheiro público que entra nos cofres da administração municipal.

Segundo o IBGE, Parauapebas teve acréscimo de 0,1 ponto percentual na fatia do PIB de 2018 para 2019, o maior ganho nacional ao lado de São Paulo (SP), Maricá (RJ), Saquarema (RJ), Brasília (DF) e São José dos Pinhais (PR). A extração de minério de ferro e o início do ciclo de valorização da commodity, após anos anteriores de perdas, foram os fatores que contribuíram para a guinada do município paraense.

No estado, Parauapebas só fica atrás de Belém em produção de riquezas e é o 43º mais rico do país. Em 2019, a capital paraense registrou PIB de R$ 32,405 bilhões, o que é baixo em se tratando de uma metrópole com 1,5 milhão de habitantes, 11ª mais populosa do país. Belém ocupa o 27º lugar em riqueza, mesma posição de 2018. Goiânia (GO), com o mesmo tamanho de Belém, assina PIB de R$ 52,914 bilhões (14º), e Porto Alegre (RS), R$ 82,431 bilhões (7º).

Marabá avança 33 posições

Com R$ 11,418 bilhões em produção de riquezas, Marabá apareceu na 99ª colocação em 2019 e apresentou avanço espetacular em relação à pesquisa divulgada no ano passado, referente a 2018. No levantamento de PIB anterior, o principal município do sudeste do estado registrava R$ 8,781 bilhões e ocupava o 132º lugar. As razões pelas quais Marabá cresceu tanto são a indústria extrativa mineral, que tem no concentrado de cobre seu apoio, e a agropecuária, uma das mais desenvolvidas e poderosas da Região Norte.

Canaã dos Carajás, por seu turno, é destaque em função da produção de riquezas por pessoa, o chamado PIB per capita. Com população oficial pequena diante da gigantesca produção mineral em cima de ferro e cobre, Canaã ostenta R$ 288 812,06 por habitante. Na verdade, passa longe da população faturar todo esse dinheiro durante o ano. Cerca de 80% dessa riqueza é derivada de produção da mineradora multinacional Vale, responsável pela gigantesca lavra de recursos minerais no município e titular da maior parte do PIB local.

CONFIRA OS 12 MUNICÍPIOS MAIS RICOS DO PARÁ | POR PIB TOTAL

  • 1º Belém — R$ 32.405.322.901,89
  • 2º Parauapebas — R$ 23.035.846.880,48
  • 3º Marabá — R$ 11.417.650.048,77
  • 4º Canaã dos Carajás — R$ 10.710.595.175,33
  • 5º Ananindeua — R$ 8.165.793.044,71
  • 6º Barcarena — R$ 5.369.310.054,78
  • 7º Tucuruí — R$ 5.318.264.261,16
  • 8º Santarém — R$ 5.126.171.505,93
  • 9º Vitória do Xingu — R$ 4.051.017.423,30
  • 10º Castanhal — R$ 4.040.634.536,45
  • 11º Paragominas — R$ 3.136.000.922,64
  • 12º Altamira — R$ 2.778.919.825,99

2 comentários em “Destaque na produção de riquezas, Parauapebas supera 10 capitais em PIB

  1. eliseu.5@hotmail.com Responder

    Si já que supera as 10 cidade e porque não arruma a nossa cidade maravilhosa
    Tem que ter vergonha e arruma nossa cidade, porque tem como deixa linda

  2. Pingback: Destaque na produção de riquezas, Parauapebas supera 10 capitais em PIB » Blog do Keniston

Deixe seu comentário

Posts relacionados

%d blogueiros gostam disto: