Clube do Remo fica no empate diante do Castanhal em Santa Maria do Pará

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

Por Fábio Relvas

Faltando quinze dias para a bola rolar valendo o Campeonato Paraense 2018, as equipes seguem se preparando firme. Na tarde deste sábado (30/12), quatro equipes entraram em campo para jogos amistosos. O Clube do Remo foi até a cidade de Santa Maria do Pará, a 105 km da capital, para encarar o Castanhal no Estádio Rabelão em jogo comemorativo dos 56 anos da emancipação política do município e que terminou em 1 a 1.

Em outro amistoso, a equipe do Bragantino, que conquistou o tricampeonato da Segundinha do Parazão, enfrentou o Paragominas no Estádio São Benedito, o Diogão, em Bragança. O encontro serviu para a entrega de faixa para o campeão estadual da segunda divisão. A torcida que compareceu ao estádio teve que se contentar com o placar de 0 a 0.

Remo x Castanhal

O Leão Azul colocou pressão em cima do adversário e se manteve com muito mais posse de bola que o Japiim da Estrada. Mas o Castanhal foi mais eficiente, abrindo o placar aos 14 minutos do primeiro tempo. Júnior Rato (jogador da base remista) fez grande jogada pela direita e cruzou na medida para o atacante Val Barreto (ex-Remo), que não perdoou o seu antigo time e mandou para o fundo do barbante do goleiro Vinicius, 1 a 0 Castanhal.

Depois que sofreu o gol, o técnico Ney da Matta passou a alterar o time titular do Leão e mexeu logo em três posições. As mudanças surtiram efeito e o Remo teve algumas chances de empatar, mas parava no goleiro Roger Kath, que salvou o time aurinegro. No primeiro minuto da etapa derradeira, o Leão quase chegou ao empate, mas o gol saiu somente aos 29 minutos do segundo tempo, com um chutaço do atacante Jayme, 1 a 1, explodindo a nação azulina no Rabelão. O placar terminou no empate.

O Clube do Remo e Castanhal voltam a se enfrentar em amistoso no próximo domingo (07/01), às 16h, no Estádio Maximino Porpino, em Castanhal.

Bragantino x Paragominas

Com um primeiro tempo disputado, as duas equipes não conseguiram marcar. Alguns cartões foram mostrados por jogadas mais fortes. Os técnicos mexeram bastante nas equipes, mas apesar das mudanças, o jogo não evoluiu e a partida festiva terminou com o placar em branco. O que valeu mesmo foi toda a festa para o Tubarão do Caeté, que recebeu a faixa de tricampeão da Segundinha.

Publicidade