Bragantino derrota o Independente no Estádio Diogão e se garante nas semifinais do Parazão

A emoção foi tão grande que o técnico Agnaldo passou mal e foi levado para o hospital
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

O Bragantino Clube do Pará conquistou na raça a sua vaga para as semifinais do Campeonato Paraense de 2019. Atuando na tarde deste domingo (31), o Tubarão do Caeté venceu o Independente, por 1 a 0, no Estádio Olímpico São Benedito, o Diogão, em Bragança, pela décima e última rodada da fase de classificação do Parazão. O gol único foi assinalado ainda no primeiro tempo através de Paulo de Tárcio, aos 34 minutos. A emoção foi grande que na hora do gol, o técnico Agnaldo de Jesus, o Seu Boneco, passou mal e foi levado de ambulância para o hospital.

Com a vitória, o Bragantino assumiu o segundo lugar dentro do Grupo A1, com 15 pontos, e acabou ficando com a vaga para a semifinal, graças a ajuda do Paysandu, que venceu o Águia de Marabá, por 2 a 0, adversário direto do Tubarão do Caeté. O time de Bragança vai encarar o Remo, primeiro colocado do Grupo A1, em dois jogos. O primeiro confronto acontece no Estádio Diogão, em Bragança, e o segundo no Estádio Mangueirão, em Belém.

Apesar da derrota, o Independente também avançou em segundo lugar dentro do Grupo A2, com 17 pontos, graças a vitória do Remo, por 2 a 0, em cima do Paragominas. O Galo Elétrico vai enfrentar o Paysandu em dois jogos pelas semifinais, com o primeiro duelo no Estádio Navegantão, em Tucuruí, e o segundo no Estádio da Curuzu, em Belém.

O jogo: Tubarão 1 x 0 Galo – Bragantino classificado!

As duas equipes precisavam da vitória para buscar a classificação. O Bragantino mais ainda já que estava em terceiro lugar. O Tubarão começou com uma blitz total, quando Marco Goiano cobrou escanteio, a bola passou por todo mundo e sobrou para Luquinha, que disparou para fora. Outra vez na bola parada o time da casa chegou. Marco Goiano cobrou falta na segunda trave, o atacante Fidelis chutou e goleiro Redson defendeu.

Só dava Tubarão. Marco Goiano cobrou falta e a bola passou por cima da meta de Redson. O Independente chegou quando Cabecinha cobrou escanteio, Joãozinho cabeceou, o goleiro Axel tocou na bola que foi parar dentro do gol, mas a arbitragem assinalou impedimento do ataque do Galo. O assistente Márcio Gledson Correia Dias, que é CBF, levantou o bastão, tendo o aval do árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva, da FIFA.

No contra-ataque, Bruno Limão lançou na medida para o atacante Fidelis, que saiu do goleiro Redson e chutou, a bola bateu na trave. Quase o primeiro do Braga. Em seguida não teve jeito. Marco Goiano cobrou falta, o goleiro Redson saiu mal do gol, no bate e rebate, Paulo de Tárcio mandou para o fundo do barbante, 1 a 0, aos 34 minutos. Na hora do gol, o técnico Agnaldo de Jesus passou mal e foi levado de ambulância para o hospital mais próximo de Bragança. O preparador físico Robson Melo assumiu o time na beira do gramado.

Logo após o primeiro gol, Fidelis recebeu, pedalou e chutou, a bola explodiu no travessão do goleiro Redson, na sobra o Tubarão não aproveitou o lance. O Galo conseguiu suspirar na cobrança de falta de Mocajuba, a bola foi para fora. No segundo tempo, Esquerdinha tentou cruzar e errou feio em favor do Bragantino. Em um escanteio para o Braga, Fidelis pegou a sobra e disparou em cima do zagueiro Dedé. Novamente após cobrança de escanteio, Roni Taperaçu desviou de cabeça e a bola foi para fora.

O Bragantino teve a chance de ampliar, quando Serafim cruzou da direita e Fidelis cabeceou para fora. Placar final: Bragantino 1 x 0 Independente. As duas equipes avançaram para as semifinais e garantiram calendário para 2020, quando vão disputar a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro da Série D.

Classificação final da 1ª fase do Parazão 2019

Grupo A1

1° Remo: 19 pontos (Classificado)

2° Bragantino: 15 pontos (Classificado)

3° Águia: 13 pontos (Eliminado)

4° Castanhal: 11 pontos (Eliminado)

5° São Francisco: 6 pontos (Rebaixado)

Grupo A2

1° Paysandu: 22 pontos (Classificado)

2° Independente: 17 pontos (Classificado)

3° Paragominas: 16 pontos (Eliminado)

4° Tapajós: 8 pontos (Eliminado)

5° São Raimundo: 4 pontos (Rebaixado)

Por Fábio Relvas

Publicidade

Relacionados