‘Acidente de trânsito’ em Jacundá causa impacto e repercute nas redes sociais

Simulação foi a culminância de treinamento ministrado aos agentes de trânsito do município, sobretudo para os novatos
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Durante duas horas de ontem, segunda-feira (18), uma simulação de acidente de trânsito na principal avenida da cidade de Jacundá, a Cristo Rei, causou forte impacto nas pessoas que passaram pelo local. Dois carros, uma moto, pessoas gravemente feridas, viaturas de agentes de trânsito e ambulância do Samu. À primeira vista, a cena era real. Para os agentes, a culminância de um curso de capacitação e acera de como conscientizar a sociedade sobre a importância de acessórios de segurança em carros e motos.

Conforme Darlingthon Duarte Bomfim, diretor do Departamento Municipal de Trânsito de Jacundá (DMTU), os mais de 20 agentes, a maioria novatos na função, passaram pelo curso de treinamento com a finalidade de capacitá-los para a função.

Quatro módulos compuseram o curso: operação e fiscalização de trânsito; inspeção veicular e documento; boletim de ocorrência de trânsito; e durabilidade. O treinamento foi ministrado por uma empresa especializada.

“O prefeito Ismael Barbosa percebeu a necessidade de realizarmos essa capacitação para os agentes, principalmente para qualificar os novatos, que foram aprovados no último concurso”, explica o diretor.

A culminância do curso foi uma simulação de acidente, onde o motorista de um carro ignorou a preferencial e colidiu contra uma moto. Nesse caso, o condutor da moto estava sem os itens obrigatórios de segurança, como o capacete, enquanto o motorista do carro estava sem o cinto de segurança. Um segundo motorista causou o engavetamento entre os veículos. “São situações corriqueiramente registradas pelo DMTU”, diz Bomfim.

Para deixar a cena o mais próximo da realidade, foi utilizado sangue produzido com diversos pigmentos, vísceras bovinas, moto e carros. “Gente, aconteceu um grave acidente na Avenida Cristo Rei”, alertou um usuário de rede social. Em poucas horas as imagens foram compartilhadas em diversos grupos.

Darlingthon explica, ainda, que durante a simulação os agentes e equipe de resgate aprenderam as principais técnicas de isolamento de área e remoção de vítimas entre ferragens e resgate de acidentados.

Publicidade