Notícias

Vereadores conhecem instalações do sistema de videomonitoramento de Parauapebas

Os vereadores Ivanaldo Braz, presidente da Câmara Municipal de Parauapebas; Zacarias Marques e Bruno Soares visitaram na manhã desta terça-feira (17) o Centro de Controle e Operações (CCO) do sistema …

Os vereadores Ivanaldo Braz, presidente da Câmara Municipal de Parauapebas; Zacarias Marques e Bruno Soares visitaram na manhã desta terça-feira (17) o Centro de Controle e Operações (CCO) do sistema de videomonitoramento da cidade, localizado no quartel do 23º Batalhão de Polícia Militar.

videomonitoramento

Recebidos pelo titular da Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi), Eliésio Miranda, e pelo coordenador do CCO, Marcos Rosa, os parlamentares espiaram as dezenas de imagens das câmeras nos painéis do CCO e tomaram conhecimento que o sistema funciona 24 horas e que, em caso de acidente ou suspeita de crime, as imagens das 95 câmeras são avaliadas ao vivo por agentes do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) ou por policiais militares e civis.

De acordo com revelação de Marcos Rosa, as imagens são monitoradas no CCO por uma equipe constituída de 18 operadores que são portadores de necessidades especiais (cadeirantes ou não) indicados por instituições e selecionados, treinados e contratados pela prefeitura.

O sistema de videomonitoramento de Parauapebas tem como objetivo fiscalizar as vias públicas da cidade, por meio de câmeras instaladas em pontos estratégicos, a fim de inibir a prática de condutas que, às vezes, causam acidentes e podem tirar vidas.

A medida visa ainda auxiliar as polícias Civil, Militar e Corpo de Bombeiros no combate à criminalidade e no socorro às vítimas de acidentes de trânsito; alertar aos condutores e com isso reduzir o índice de infrações no trânsito; e proteger o meio ambienta e patrimônio artístico, paisagístico, histórico, urbanístico e cultural.

Após a visita, os três vereadores valorizaram o sistema de videomonitoramento, que foi instituído pelo Projeto de Lei nº 07/2015, de autoria do Poder Executivo Municipal, em atendimento à Resolução 532, de 17 de junho de 2015, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), considerando o sistema de vigilância de vídeo como de fundamental importância para a segurança da população. (Waldyr Silva – Ascomleg CMP)

Deixe seu comentário