Segundo CNM, Rio Maria terá apenas um candidato a prefeito

Fato ou fake? Informação da entidade máxima de defesa dos municípios caiu na checagem do Blog, que descobriu que Waltinho do Ouro (PSC) enfrentará Márcia Ferreira (MDB) nas urnas.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Só Deus pode tirar a Prefeitura de Rio Maria de Walter José da Silva (PSC), o Waltinho do Ouro, segundo um estudo da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), que aponta que lá apenas um candidato disputa o Poder Executivo cuja arrecadação líquida chega a R$ 57 milhões. O levantamento, que detalha candidatura única em 117 municípios brasileiros, mostra que Rio Maria é o representante paraense nesse quesito de um só nome para prefeito.

Mas será? Vale ressaltar que a homologação da candidatura e a contabilização de um voto sequer pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) são suficientes para garantir a vitória de qualquer candidato único a prefeito. Os dados do estudo da CNM baseiam-se em candidaturas homologadas até 27 de setembro.

O Blog do Zé Dudu desconfiou da informação divulgada pela entidade máxima dos municípios no país e foi averiguar a situação do registro de candidaturas no TSE. Para a prestação do serviço de bem informar, Waltinho do Ouro, da coligação “Experiência e Trabalho Comprovado”, não estará sozinho. Ele terá como adversária a ex-vereadora Márcia Ferreira (MDB), da coligação “Renovar para Transformar”.

Tanto Waltinho quanto Márcia são figuras conhecidas do folclore político local. Ele é ex-prefeito de Rio Maria, quando governou o município do sul do estado entre 2008 e 2016. Ela, por seu turno, é ex-vereadora e foi a adversária derrotada por Francisco Paulo Barros Dias, o Paulinho, nas eleições de 2016.

Municípios com dois candidatos

No Pará, ainda de acordo com a CNM, 22 prefeituras serão disputadas exclusivamente por apenas dois candidatos. E o MDB, partido do governador Helder Barbalho, é o que mais marca presença nesses confrontos: está envolvido em 18 deles. As únicas prefeituras cobiçadas por apenas dois candidatos em que o MDB não está no páreo são Abel Figueiredo (PL x PP), Bom Jesus do Tocantins (PSC x PT), Cachoeira do Piriá (Solidariedade x PL) e Viseu (PL x PSD). O Blog também conferiu a informação no TSE e essa, de fato, procede.