Parauapebas: coordenação regional tem avaliação positiva do Pró-Jovem Urbano

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O PROJOVEM URBANO (PJU), uma iniciativa do Governo Federal em parceria com o Governo do Estado do Pará e prefeituras, tem dado bons frutos. Só no sul e sudeste do Pará, já são mais de cinco mil jovens, entre 18 e 29 anos de idade, oportunizados com uma bolsa de R$ 100,00 mensais afim de que retomem os estudos cursando o ensino fundamental, formação profissional, comunitária e cidadã. Nesta região os principais municípios beneficiados são Breu Branco, Curionópolis, Dom Eliseu, São Domingos do Araguaia, São Geraldo do Araguaia, Eldorado do Carajás, Goianésia do Pará, Itupiranga, Jacundá, Xinguara, Tucuruí e Parauapebas.

Antônio Jacinto (foto), diretor pedagógico desta região, diz que a mesma conta com núcleos bem desenvolvidos destacando os existentes em Parauapebas, o qual tem promovido constantes ações contra a evasão escolar, uma característica comum do publico atendido pelo programa. Outro destaque é a integração entre a equipe de coordenação do programa em Parauapebas que participa frequentemente da formação continuada realizada pela UEPA (Universidade Estadual do Pará).

No dia 27 de janeiro o senhor Antônio de Pádua – representante da OTM (empresa co-executora do PJU) realizou visita em Parauapebas e efetivou a entrega dos livros da Unidade Formativa III, sendo o mesmo material didático garantido aos alunos durante todo o programa. “Em Parauapebas constatamos que é garantida a merenda aos alunos, e, diferente de vários municípios os mesmos receberão, por iniciativa local, os uniformes do programa.

“São por esses e outros motivos que nós da Coordenação Regional sempre afirmamos que por fazer funcionar turmas em três escolas da periferia e por contar com uma organização e estrutura humana diferenciada dos outros municípios que aqui em Parauapebas, com o empenho da Governo Municipal e seus órgãos Coordenadoria Municipal da Juventude e SEMED, o PROJOVEM URBANO tem sido um grande sucesso, facilitando inclusive o nosso trabalho, que é o de supervisionar e dar orientações pedagógicas afim de garantir que de fato os nossos alunos possam ter um ensino-aprendizagem de qualidade”, finaliza Antônio Jacinto.

[ad code=4 align=center]