Parauapebas

Parauapebas bate recorde de empregos com carteira assinada em maio

No acumulado deste ano, capital do minério é um dos 40 municípios do país que mais geram postos de trabalho. Na outra ponta, a capital Belém é a pior representação do Pará lá fora.

Acabam de ser liberados na tarde desta quinta-feira (27) dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, segundo os quais o Pará encerrou maio com saldo líquido de empregos no azul, em 2.549 postos com carteira assinada. É o melhor maio para o estado dos últimos cinco anos. O Blog do Zé Dudu teve acesso em primeira mão aos números completos do balanço do mercado de trabalho paraense, que revelam: Parauapebas foi um dos municípios brasileiros que mais geraram empregos no mês passado.

A capital do minério criou exatas 1.307 oportunidades formais, mais da metade (51%) dos postos abertos no Pará. Fora do pelotão dos municípios que mais geram emprego faz anos, agora Parauapebas ressurge como o 40º município do país que mais emprega. De janeiro a maio, já são pelo menos 1.784 pessoas adicionadas ao mercado de trabalho.

O Blog avaliou que os setores de serviços (1.075 empregos), construção civil (454) e comércio (295) são os grandes responsáveis pelo reaparecimento súbito de Parauapebas no mapa do emprego este ano, com destaque para seu desempenho triunfal em maio. Além disso, a indústria de transformação também contribuiu (27 novas oportunidades). Por outro lado, a indústria mineral (25 demissões), os serviços de utilidade pública (22) e a agropecuária (20) insistem em continuar desempregando.

Outros municípios

Além de Parauapebas, os municípios paraenses que mais se destacam na geração de postos com carteira assinada no acumulado do ano são Castanhal (675), Marabá (641), Canaã dos Carajás (541), Santarém (329) e Redenção (201).

Na outra ponta, Belém concentra um volume assustador de novos desempregados, com 2.460 postos a menos de saldo este ano. Acompanham a capital na lista negativa os municípios de Barcarena (1.490), Tailândia (1.222), Pacajá (929), Acará (421), Moju (352), Bonito (338), Vitória do Xingu (297), Altamira (260), Tomé-Açu (242) e Marituba (221).

Confira o ranking com o saldo no mercado de trabalho celetista nos municípios paraenses no acumulado de janeiro a maio de 2019!

Um comentário em “Parauapebas bate recorde de empregos com carteira assinada em maio

  1. Pingback: Municípios do Sudeste Paraense contabilizam quase 3.000 empregos este ano - ZÉ DUDU

Deixe seu comentário