Jacundá já soma 1.000 pessoas contaminadas pela covid-19

O número de óbitos causados pela doença, entretanto, estabilizou em 24, desde o dia 19 de novembro do ano passado
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Em 15 dias, o sistema de saúde pública do município de Jacundá registrou 51 novos casos diagnosticados de covid-19 e o número de vítimas do novo coronavírus chegou a 1000 pessoas. A informação foi divulgada na segunda-feira, 1º, pela Secretaria Municipal de Saúde, em boletim epidemiológico.

Há duas semanas, no dia 17 de janeiro, o sistema que monitora os casos de covid no município de Jacundá registrava 949 pessoas infectadas. Na ocasião, a SMS divulgou que o cenário epidemiológico relacionado à covid-19 no município de Jacundá era estável.

Entretanto, alertava que momento exigia a intensificação de forças para mitigar a contaminação nessa segunda onda e desafogar o sistema de saúde do Estado, haja vista o aumento de casos na região e dificuldade de leitos para pacientes de covid-19 disponíveis nos hospitais de referência.

O 1000º caso foi confirmado ontem, 1º, e, ainda conforme as informações do boletim epidemiológico, o município tem 52 casos ativos, 208 monitorados e 926 pessoas estão recuperadas e outros 1056 caos foram descartados. O número de óbito se mantém estabilizado em 24, desde a chegada do vírus no município, em abril do ano passado, conforme já noticiado pelo Blog.

O alerta e orientação à população continua: “A vacina ainda não estará disponível a todos os cidadãos. Portanto, a medida mais eficaz no enfrentamento à essa pandemia, são as medidas não farmacológicas: uso de máscaras, álcool em gel, evitar aglomeração”.

(Antonio Barroso)