Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Notícias

As eleições 2014 em números

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) publicou ontem (21) no sistema de registro de candidaturas das eleições os nomes de todas as pessoas que pediram registro para concorrer ao pleito. De acordo com o levantamento:

24.899 candidatos devem disputar vagas de deputado federal, estadual e distrital, senador, governador e presidente da República. O número inclui suplentes de senador e vices aos governos estaduais e à Presidência da República.

16,2 mil candidatos disputarão uma das 513 vagas disponíveis para deputado federal.

171 candidatos disputarão as vagas de governador e vice.

11 candidatos disputarão a vaga de governador do Pará, é a maior quantidade entre todos os estados.

22 candidatos disputarão as vagas de presidente e vice. Juntos, eles pretendem gastar R$916 milhões.

1.059 é o número de vagas para deputado estadual em jogo.

27 vagas de senador estão sendo disputadas.

1.850 registros de candidaturas às eleições em todo o país foram impugnados até ontem (21).

7.399, ou 29,7% dos candidatos nas eleições são mulheres.

Veja também:  Pará: Novo governador administrará R$25,5 bilhões e Carajás é fiel da balança

354.184 dos eleitores brasileiros residem no exterior

2.430.018.616,16 de reais é o valor previsto pelos candidatos a governador para serem gastos na disputa.

Senadores

27 dos atuais 81 senadores concluem o mandato de oito anos em janeiro de 2015.

10 deles, ou 37,04%, vão tentar a reeleição em outubro próximo.

12 (44,44%) não vão concorrer a nenhum cargo,

2 querem vaga na Câmara dos Deputados,

1 almeja ser suplente de senador,

1 pretende se tornar deputado estadual

1 disputa a vice-governadoria.

Deputados federais

399 dos atuais deputados federais, ou 77,78%, vão concorrer à reeleição em outubro deste ano.

37 (7,21%) não disputarão nenhum cargo,

77 (15%) concorrerão a outros cargos, sendo que:

21 querem se tornar vice-governadores,

21 disputarão cadeira no Senado,

19 preferem ser deputados estaduais,

10 pretendem ser governadores e

6 são candidatos a suplente de senador.

Deixe uma resposta