Técnico João Galvão deixa o comando do Águia de Marabá Futebol Clube

Galvão chegou ao clube ainda como jogador, em 1999, e esteve no comando técnico e na direção do Azulão
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
João Galvão deixa o comando do Águia de Marabá (Foto: Jonne Roriz/Veja)

Continua depois da publicidade

O técnico João Maria Galvão anunciou em um vídeo nas redes sociais que não irá mais comandar o Águia de Marabá Futebol Clube para a temporada de 2022. O ex-técnico do Azulão afirma que pensou bem e avaliou em família o seu afastamento do clube, no qual passou mais de 20 anos, atuando no final de sua carreira como jogador, em 1999, até seguir como dirigente e treinador.

“Venho através desse vídeo dizer que estou me afastando do Águia de Marabá, das minhas funções de treinador, diretor e secretário. Estou me afastando totalmente, dando um descanso. Conversei com os meus filhos, minha família e eles concordaram e acharam que era o momento de me afastar, até porque a nossa gestão está desgastada. É um momento de mudança. Um momento de alegria e tristeza,” afirmou João Galvão.

O lendário treinador do Azulão viveu momentos de alegria quando, em 2009, pela Copa do Brasil, o Águia chegou a derrotar o Fluminense (RJ), por 2 a 1, no Estádio do Mangueirão, em Belém, e entre as temporadas de 2008 a 2015, o time marabaense disputou o Campeonato Brasileiro da Série C, tendo a possibilidade do acesso para a Série B, em 2008, quando perdeu a vaga no saldo de gols para o Duque de Caxias (RJ).

Por Fábio Relvas