Parauapebas tem dois pacientes em estado grave sendo monitorados por Covid-19

Os pacientes estão fazendo uso de respiradores mecânicos. Semsa não confirma nem descarta Covid-19
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Ainda não é oficial, já que os testes enviados para o Laboratório Central de Saúde Pública – LACEN, em Belém, ainda não retornaram para confirmar as suspeitas, mas dois pacientes em Parauapebas estão sendo tratados como fortemente suspeitos para a Covid-19. Um está sendo tratado em um hospital particular, o outro no Hospital Geral de Parauapebas.

Segundo uma fonte do Blog, que pediu pra ser resguardada, os pacientes apresentam sintomas muito fortes relativos à Covid-19, inclusive estão fazendo uso de respiradores. Porém, disse a fonte, “sem os resultados dos exames não se pode afirmar 100% serem os casos positivos, já que o diagnóstico não é conclusivo e pode ser H1N1, assim como alguns outros que já foram descartados para Covid-19 no município”.

No HGP está uma paciente que passou por uma cirurgia estética recentemente e apresenta imunidade muito baixa.

O LACEM está sobrecarregado nesse momento, e vem devolvendo os exames com 12 dias, em média. O laboratório paraense atende a todos os municípios do Pará e ainda alguns Estados das regiões Norte e Nordeste do Brasil, por isso a demora na realização dos exames.

Instado a comentar os dois casos, Gilberto Laranjeiras, secretário de saúde de Parauapebas ratificou o quadro clínico dos pacientes e fez um alerta à população. “Os dois casos estão sendo monitorados pela equipe da Semsa, assim como outros que aguardam exames laboratoriais. Ainda temos que esperar a confirmação pelo LACEN, mas peço à população que permaneça tranquila e em suas residências, pois a secretaria se preparou para receber e tratar os pacientes de Parauapebas da melhor forma possível. Alguns outros casos eram parecidos com estes dois mencionados pela reportagem e deram positivos para H1N1. Se nestes forem confirmadas as suspeitas não será motivo para alarde ou nenhuma mudança nas ações que já estamos fazendo”, disse o secretário.

Segundo a secretaria municipal de saúde, em Parauapebas foram 41 casos notificados. Destes, 12 foram descartados, 29 são tratados como suspeitos e nenhum confirmado até o momento.

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) informou às 11 horas desta quarta-feira (25) que o Pará tem sete casos confirmados para a Covid-19, sendo seis na região metropolitana de Belém e um em Marabá. Ao todo, foram descartados 260 casos e 133 seguem sendo analisados.

Publicidade