Parauapebas: Município realiza Dia “D” de Vacinação antirrábica neste sábado (23)

Durante todo o dia, as equipes irão realizar a imunização de cães e gatos em 31 pontos que serão montados na cidade, que irão funcionar de 8h às 17h
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Secretaria Municipal de Saúde de Parauapebas (Semsa) realiza, neste sábado (23), o Dia “D” de vacinação antirrábica. No total, irão ser montados 31 pontos de vacinação na cidade, que irão funcionar de 8h às 17h, para fazer a imunização de cães e gatos.

Segundo a Semsa, podem ser vacinados cães e gatos a partir de dois meses de idade e adultos saudáveis. Para fazer a imunização é necessário que o tutor apresente o cartão de vacinação do animal e que ele esteja em boas condições de saúde.

“A vacina precisa ser anual, para manter o animal protegido. Um animal que contrai a doença tem poucos dias de vida e corre risco de transmissão para outros animais e humanos. A vacina antirrábica é a única forma de prevenção contra a raiva animal”, explica o secretário municipal de Saúde, Gilberto Laranjeiras.

A raiva é uma doença infecciosa viral aguda, que acomete mamíferos, inclusive o homem, e caracteriza-se como uma encefalite progressiva e aguda com letalidade de aproximadamente 100%. É causada pelo Vírus do gênero Lyssavirus, da família Rabhdoviridae.

O controle da raiva é de extrema importância para saúde pública, justamente devido a sua letalidade de aproximadamente 100% e por ser uma doença passível de eliminação no seu ciclo urbano (transmitido por cão e gato) e pela existência de medidas eficientes de prevenção, como a vacinação humana e animal, a disponibilização de soro antirrábico humano, a realização de bloqueios de foco, entre outras.

Transmissão: A raiva é transmitida ao homem pela saliva de animais infectados, principalmente por meio da mordedura, podendo ser transmitida também pela arranhadura e/ou lambedura desses animais. O período de incubação é variável entre as espécies, podendo ir de dias até anos, com uma média de 45 dias no ser humano, podendo ser mais curto em crianças.

O período de incubação está relacionado à localização, extensão e profundidade da mordedura, arranhadura, lambedura ou tipo de contato com a saliva do animal infectado; da proximidade da porta de entrada com o cérebro e troncos nervosos; e concentração de partículas virais inoculadas e cepa viral. Nos cães e gatos, a eliminação de vírus pela saliva ocorre de 2 a 5 dias antes do aparecimento dos sinais clínicos e persiste durante toda a evolução da doença (período de transmissibilidade).

A morte do animal acontece, em média, entre 5 e 7 dias após a apresentação dos sintomas. Não se sabe ao certo qual o período de transmissibilidade do vírus em animais silvestres. Entretanto, sabe-se que os quirópteros (morcegos) podem albergar o vírus por longo período, sem sintomatologia aparente.

Os morcegos hematófogos (que se alimentam de sangue) são os principais transmissores da doença na área rural.

Confira os pontos de vacinação que serão montados neste sábado em Parauapebas:

• Creche Mun. Vovó Ana – Rua Amsterdam; S/N; B. Altamira;

• Escola Mun. Luís Magno De Araújo – Rua A15; Q. Especial; B. Amazônia;

• Escola Mun. Irmã Laura – Rua Aurélio Dias; Quadra Especial – Bela Vista;

• Escola Mun. Olga Da Silva – Rua Santo Antônio; S/N; Bairro Altamira;

• Escola Domingo Cardoso – Rua Cristóvão Colombo; Quadra 17b; Habitar Feliz;

• Escola Dorothy Stang – AV. B. Q.277. LT 05 e 06 B. Cidade Jardim 3ª etapa;

• Escola Mun. Terezinha De Jesus – Avenida F; Q. Especial; Cidade Jardim;

• Unidade de Vigilância em Zoonoses – Rua D; 306; Cidade Nova;

• Creche Mun. Pingo De Gente – Rua Sol Poente; 478; B. Da Paz;

• Escola Mun. Machado De Assis – Rua Afonso Arino; N 378; B. Da Paz;

• Escola Mun. Faruk Salmen – Rua Paulo Afonso Qd. 35, B. Guanabara

• UBS – Guanabara – Rua Mané Garrincha Nº 69, B. Guanabara;

• Escola Mun. Nelson Mandela – Avenida Castanheiras; Q. especial; B. Tropical I;

• Creche Turma da Mônica – Avenida Liberdade, 380, B. Liberdade;

• UBS – Liberdade II – Av. Vinicius de Moraes, esquina com a Goiás, Liberdade II;

• Escola Mun. Josias Leão – Rua Vereador João Brito; Lote 18; B. Maranhão;

• Escola Mun. Fernando Pessoa – Rua 35; Quadra Especial; B. Dos Minérios;

• Escola Mun. Milton Martins – Avenida Carajás; N635; Lote 04 E 05; B. Nova Carajás;

• Escola Mun. Prof. Sandra Maria Rua Central; N 123; B. Novo Brasil;

• Escola Mun. Novo Horizonte – Avenida Jardim Canadá; B. Novo Horizonte ;

• Escola Paulo Freire – Rua Porto Velho, QD, Quadra Especial, Palmares – I;

• Escola Crescendo na Prática Av. Quilombo dos Palmares, Palmares II;

• Escola Mun. João Prudêncio De Brito Rua C; Com Rua 01; Quadra Especial; B. Primavera;

• Escola Mun. Paulo Fonteles – Rua Rio de Janeiro, B. Rio Verde;

• Escola Mun. Eurides Santana – Rua Jk; Quadra Especial; B. Rio Verde;

• Escola Mun. Cecília Meireles – Rua L; Quadra Especial; B. União;

• Escola Mun. Eunice Moreira – Rua Luanda; Quadra Especial; Vila Rica Vs10;

• Escola Mun. Mário Lago – Avenida Vs10; Bairro Califórnia Vs10;

• Escola Dona Rosa – Rua Topázio; 03; Bairro Morada Nova Vs10;

• Escola Mun. Aurino Gonçalves – Avenida Brasil; B. Parque Das Nações II.

Tina DeBord