Parauapebas já oferece testes rápidos para o novo coronavírus

O material, adquirido pela secretaria de saúde de Parauapebas através de dispensa de Licitação com recursos do Fundo Municipal de Saúde, já está à disposição dos pacientes da capital do minério.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Com o objetivo de identificar e isolar os casos positivos para a Covid-19, como fizeram países como Coréia do Sul e Cingapura, o município de Parauapebas vai começar a fazer testes em massa em pessoas suspeitas de ter contraído o novo coronavírus. Parauapebas é a primeira cidade no Pará a fazer isso.

Os testes rápidos, através da metodologia de imunocromatografia, destinados à detecção qualitativa específica de IgG e IgM do Covid-19 apresentam o resultado em 15 minutos e foram adquiridos através de Dispensa de Licitação pelo Fundo Municipal de Saúde de Parauapebas pelo valor de R$130,000,00 (cento e trinta mil Reais), conforme Extrato de Contrato de 27 de março de 2020 publicado hoje no Diário Oficial da União.

Os testes serão usados para confirmar positivos para o novo coronavírus pacientes que apresentem os sintomas da Covid-19 – como tosse, febre, dificuldades para respirar, entre outros -, por mais de cinco dias, e estarão disponíveis na UPA e Unidades Básicas de Saúde do município. Todavia, o uso destes testes rápidos ficarão sujeitos à solicitação médica e tão somente à pacientes que apresentem tais sintomas por mais de cinco dias.

Segundo o secretário de saúde de Parauapebas, que após determinação do prefeito Darci Lermen se empenhou ao extremo e rapidamente conseguiu que o município ofereça mais esse serviço à população, “o objetivo é ampliar a cobertura de diagnóstico para uma camada mais ampla da população e descobrir qual é o tamanho real do contágio no município, que já tem um caso confirmado através de exames convencionais. Os pacientes que apresentarem os sintomas como tosse seca, febre, gripe intensa, devem as unidades de saúde, passar com um médico que solicitará a testagem rápida para confirmar ou descartar a infecção pelo novo coronavírus”.

O prefeito Darci Lermen se diz feliz com o objetivo alcançado. “Eu particularmente estou muito alegre, pois estou sentido que a gente saiu na frente. E isso é bom, por que mostra que somos bem proativos, que estamos com o controle da situação, e que, nas diversas coisas que vêm acontecendo ao longo do caminho, estamos tendo condições de superá-las, com coragem, determinação, e até ousadia às vezes”, disse o prefeito.

Nota do editor

Uma grande notícia essa da aquisição pela secretaria de saúde dos testes rápidos para o novo coronavírus. Todavia, como salientado na matéria, é preciso que a população tenha responsabilidade nesse momento e não sobrecarregue as unidades de saúde do município à procura do teste. Como bem disse o secretário, o teste detecta o vírus apenas em pacientes que apresentem os sintomas por mais de cinco dias. Pacientes com sintomas de gripe normal não devem comparecer aos hospitais com o objetivo de fazer o teste para o vírus. Importante lembrar que o teste só detecta o vírus se o paciente estiver com sintomas e há mais de cinco dias. Se o paciente contraiu o vírus hoje, e está assintomático, o teste não consegue detectar o vírus.

Publicidade