Lockdown: Operação “Cartão de Visita” registra 130 autuações em 11 cidades paraenses

Polícia Civil fiscalizou simultaneamente 11 municípios paraenses inseridos no decreto de bloqueio total de atividades não essenciais
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Polícia Civil divulgou o balanço da Operação ‘Cartão de Visita’, realizada nesta terça-feira (19), pela Diretoria de Polícia do Interior (DPI) em 11 municípios paraenses. Ao todo, 130 autuações foram registradas. O trabalho dos agentes de segurança deu cumprimento às medidas de restrição impostas pelo Decreto Governamental 729/2020.

Na cidade de Parauapebas a equipe da 20ª Seccional Urbana aplicou 15 sanções administrativas. Entre elas, duas em lojas de redes de franquias que estavam funcionando, porém não eram consideradas pelo decreto governamental como atividades essenciais

Em Castanhal, 30 pessoas foram autuadas por transitarem em via pública sem justificativa essencial e sem o uso de máscaras.

Na cidade de Vigia de Nazaré foram quatro autuações; três delas em um estabelecimento que funcionava de forma irregular e ainda mantinha dois funcionários trabalhando sem o uso de máscaras.

Já no município de Santo Antônio do Tauá foram fiscalizados 85 estabelecimentos e aplicadas sete sanções administrativas em pessoas físicas que transitavam em via pública, sem finalidade considerada essencial e sem o uso de máscaras.

Em Santa Izabel do Pará as equipes fiscalizaram o comércio em geral, feiras, igrejas, bares e demais locais com possibilidade de aglomeração de pessoas nos bairros Centro, São Raimundo, Jardim Miraí, Bairro Novo, Triângulo, Santa Lúcia I e II, Jardim Paraíso, Sagrada Família e Edilson Abreu. Os policiais civis aplicaram seis advertências em pessoas físicas por estarem em via pública em situação não permitida pelo decreto. Uma sanção administrativa foi dada a um restaurante que estava vendendo refeição para clientes consumirem no local.

Em Cametá, ocorreu a aplicação de 15 sanções de advertência e 14 estabelecimentos foram fechados. Além disso, o grupo policial aplicou uma advertência pelo não uso de máscara em via pública.

No município de Abaetetuba foram realizadas 43 sanções de advertência em estabelecimentos. A ação contou com a participação de 30 policiais civis dos municípios de Abaetetuba, Moju, Acará, Barcarena e Igarape-Miri. No total, 150 estabelecimentos foram fiscalizados.

Em Canaã dos Carajás, a ação resultou em oito sanções. Uma delas em uma loja de venda de veículos, que foi fechada e sofreu advertência. O efetivo contou com 10 policiais civis dos municípios de Canaã dos Carajás, Itupiranga e Marabá.

“Capanema, Santarém e Breves não registraram notificações. A operação realizada de forma simultânea em 11 municípios, contou com 48 viaturas e cerca de 160 policiais civis. As ações continuam até o próximo domingo (24). O objetivo será o cumprimento das medidas de restrição impostas pelo Decreto Governamental 729/20, através de ações de Polícia Judiciária, Polícia Administrativa e eventuais aplicações de penalidades”, explicou o diretor de Polícia do Interior, José Humberto de Mello. (Agência Pará)

Publicidade