Governador entrega caminhões coletores de lixo e visita Hospital de Campanha em Marabá

Equipamentos foram adquiridos com recursos do Fundo de Desestatização da Vale, que estavam travados desde 2012 no BNDES
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

O governador Helder Barbalho esteve na tarde de ontem (19), em Marabá, onde visitou o Hospital de Campanha e entregou cinco caminhões coletores compactadores de lixo que serão utilizados na limpeza urbana do município. A entrega é fruto de uma parceria entre Governo do Estado, prefeitura e BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social), com um investimento superior a R$1,8 milhão.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, Ruy Cabral, explicou a parceria que possibilitou a entrega dos veículos. “Isso é resultado de um trabalho de recuperação do Estado junto ao BNDES, que estava parado. É proveniente de um fundo de apoio aos municípios que foram atingidos pela desestatização da Vale do Rio Doce, que estava desde 2012 emperrado e, graças à intervenção do governador, nós demos andamento. Ao todo, são 27 projetos, em 14 municípios”, afirmou o secretário.

O prefeito de Marabá, Tião Miranda, afirmou que foi um dia muito importante para o município, reforçando as ações em conjunto do Governo do Estado e prefeitura. “A avaliação é extremamente positiva. O governador entregou cinco caminhões coletores, algo que a cidade precisava muito para melhorar a limpeza urbana. O importante é isso, a parceria entre o município e o Estado para enfrentarmos os problemas cotidianos e esse vírus que é um problema mundial”, disse ele.

No Hospital de Campanha, o governador conversou com pacientes e profissionais que estão na linha de frente do combate ao coronavírus. Há 34 dias que está em pleno funcionamento, o hospital já recebeu 101 pessoas com covid-19 ou síndrome respiratória aguda, dessas, 52 já receberam alta médica. Além da ampliação e descentralização dos leitos em todas as regiões, com a construção de mais dois hospitais de campanha, em Redenção e Altamira, o governador Helder afirmou que o desafio é a ampliação da oferta de UTIs.

“Entrei no dia 7 deste mês no hospital de campanha e, graças a Deus, estou saindo hoje. O tratamento foi ótimo, maravilhoso, a equipe foi muito atenciosa. Peço que todos tenham esperança e fé que vai dar tudo certo”. A fala emocionada é de Ana Zélia Valadares, de 70 anos e hipertensa. Ela recebeu alta, nesta terça-feira (19), após 12 dias internadas no hospital de campanha em Marabá.

(Com informações da Agência Pará. Fotos: Marco Santos: Ag.PA)

Publicidade