Leitor questiona a aplicação da Lei Seca em Parauapebas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Arthur Aguiar, trabalhador, boêmio quando possível, envia relato sobre a aplicação das leis em nosso município. Confira o que diz o leitor e emita a sua opinião:

No domingo ( 31/01/2010 ) comecei por volta de 00:30 horas aquela velha circulada pela cidade a procura de um lugar bacana, com cerveja gelada e música ambiente,pois sabia que poderia dormir até bem mais tarde no domingo.

Primeira parada, Posto Pantanal. Primeiro Chopp, acaba a música. Fiquei sabendo na hora da lei de meio ambiente que os estabelecimentos "abertos " devem funcionar até 01 da manhã e os ambientes "fechados" até as 04 da manhã.

Beleza. Até aí tudo bem. Votação e todos com destino a "rocinha".

Às 04 da manhã toca a última "música" e todos vão embora. Beleza também.

Próxima ideia: comer alguma coisa e depois dormir !!!! O único lugar aberto que vendia lanche na cidade encontrava-se próximo ao Banco Bradesco, na Rua Marabá, no bairro da Paz. Já se vão mais de 05 da manhã e para a nossa surpresa, musica ao vivo e muita gente bêbada…. Onde ????? Terraço do Bentinho.

Achei estranho porque quando eu estava no Posto Pantanal a caminhonete da PM não saiu do pé até eles pararem com o som e todos irem embora. Isso as 01 da manhã. Será que não deu tempo de chegarem ao bairro da paz as 05 da manhã.

A lei é ótima !!!!!! Parabéns !!!!

Agora precisamos cumpri-la em todas as esferas.  Onde posso reclamar ? Disque denuncia? Esta Lei Municipal esta em vigor desde quando?