Frente do PT do Pará rejeita aliança com PMDB

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

Cláudio Puty (Foto: Antônio Araujo / Câmara dos Deputados)

Uma frente de petistas do Pará, liderada pela corrente Democracia Socialista, decidiu denunciar a aliança entre o PT e o PMDB paraense em torno da candidatura de Helder Barbalho, filho do senador Jader, ao governo do estado.

Reunida na noite da segunda-feira em Belém, a frente com cerca de 100 militantes decidiu registrar o nome do deputado federal Cláudio Puty como candidato do partido ao governo.

A ex-deputada estadual Regina Barata é uma das que defende a candidatura de Puty. Desde agosto do ano passado, Puty colocou seu nome à disposição do PT como candidato próprio do partido ao governo do Estado.

A frente anti Barbalho é liderada pela ex-governadora Ana Júlia Carepa, que rompeu com o PMDB quando ainda estava no governo. Outra corrente do PT apoiada pelo ex-presidente Lula defende a aliança com o PMDB, o apoio à candidatura de Helder e o lançamento do ex-deputado petista Paulo Rocha ao Senado.

Fonte: Felipe Patury – Época

·

Publicidade

Relacionados