Figura carimbada vai mais uma vez em cana pela prática de furto em Parauapebas

Marcos Antônio e o colega "Cheira Gás" carregavam em uma mochila 40 carteiras de cigarro furtadas de um bar. Mas o "Cheira" quando viu os PMs, meteu o pé e deixou o colega na mão
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Polícia Militar prendeu e conduziu à 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, por volta das 3h59 da madrugada desta terça-feira (24), Marcos Antônio Costa Lima, acusado de furto. Em uma mochila que ele carregava foram encontradas 40 carteiras de cigarros furtadas de um bar da Avenida F, no Bairro União.

A abordagem seguida de prisão se deu quando uma guarnição fazia rondas no bairro e, na Avenida F, vislumbrou duas figuras já conhecidas pela prática de furto: Marcos Antônio e um comparsa de apelido Cheira Gás, ambos liberados recentemente da Cadeia Pública.  

Por ocasião da abordagem, quando os PMs ordenaram que eles parassem, Marcos Antônio atendeu à ordem, mas o colega de crime criou asas nós pés e desapareceu na escuridão na madrugada.

Durante a revista, o cigarro foi encontrado na mochila que Marcos carregava, mas ele alegou que aquilo não lhe pertencia e sim a Cheiras Gás e que apenas estava levando para o amigo. No que os policiais militares não acreditaram e o algemaram imediatamente e o levaram para a Delegacia de Polícia Civil.

(Caetano Silva)