Federação Paraense de Futebol entrega cestas básicas para as categorias de base e feminino

A FPF contou com parcerias e também entregou alimentos para arbitragem, gandulas e maqueiros
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Em parceira com o governo do Pará, a Federação Paraense de Futebol (FPF), realizou entregas de cestas básicas para as categorias de base e ao futebol feminino dos clubes do estado. A iniciativa faz parte do projeto Federação Solidária, que conta com a colaboração de apoiadores. Além das categorias de base e aos times femininos, a FPF estendeu a entrega para a arbitragem do quadro da casa do futebol, e também para gandulas e maqueiros, que trabalham em dias de jogos.

“Unimos com o governo do estado que é o nosso grande patrocinador do Campeonato Paraense, através da Seel, da Funtelpa e do Banpará, e fizemos uma parceria forte com a Igreja Universal. Eles colaboraram com as cestas e já entregamos para o feminino, arbitragem, gandulas e maqueiros, e hoje estamos entregando para as divisões de base. São 21 clubes e nós estamos doando 14 cestas para cada presidente de clubes”, afirmou Adélcio Torres, presidente da FPF.

Em tempos de pandemia do novo coronavírus, onde todos estão sentido a crise financeira, a ajuda chegou em boa hora para quem mais necessita. Muitos garotos que treinam nas categorias de base dos clubes paraenses, têm dificuldades até de ir treinar por falta de recursos financeiros, e as cestas básicas vão suprir a necessidade de cada um desses atletas, que sonham em se tornar um jogador de futebol profissional.

“Moro no Jurunas (bairro de Belém), eu sei como é a população, como é que o pessoal reage lá. Os garotos também da base, tanto do Remo, como do Paysandu, e da Tuna, moram nessas situações também. Então isso ai vai ajudar bastante esses garotos. É o mínimo possível, mas é uma ajuda enorme para esses garotos”, disse Aílton Costa, técnico das categorias de base do Paysandu Sport Club.

As entregas das cestas básicas ocorreram na capital Belém para 21 clubes como Remo, Paysandu, Tuna, Pinheirense, Sport Belém, entre outros. O time feminino do Clube do Remo, conta no BID (Boletim informativo diário da CBF) com 35 atletas. Como a diretoria remista recebeu número inferior de cestas para a quantidade de jogadoras, houve uma arrecadação dentro da direção para chegar os mantimentos para todas as azulinas, que aguardam o retorno do futebol para a disputa do Campeonato Paraense da categoria.

Por Fábio Relvas

Publicidade