Eleições 2012: Adelson (PDT) é o terceiro candidato a prefeito ouvido por empresários na ACIP

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

Diretores da ACIP entregaram a Agenda Mínima ao candidato Adelson FernandesO candidato a prefeito de Parauapebas pelo PDT, senhor Adelson Fernandes que faz parte da “Coligação Parauapebas em Boas Mãos” foi o terceiro a apresentar suas propostas na série de encontros proporcionada pela Associação Comercial, Industrial e Serviços de Parauapebas (ACIP).

Na oportunidade, Adelson, em seu pronunciamento parabenizou a iniciativa da ACIP de apresentar os candidatos a prefeito à classe empresarial, porém, lamentou a pouca participação dos mesmos no encontro. “Lamento que poucos empresários tenham participado desse evento. Essa oportunidade de conhecer cada candidato a prefeito de perto é única”, enfatizou.

Confira algumas propostas de Adelson do PDT:

Metas / Ações de Governo:

  • Implantar sistema integrado de gestão;
  • Criação do CAC – Centro de Atendimento ao Cidadão, que poderá expor suas dúvidas, reclamações e solicitações por intermédio da internet, fone 0800 e/ou através da ouvidoria. Um link direto com o Prefeito, onde este estará avaliando e resolvendo as questões que lhe forem passadas;
  • Fortalecimento do Departamento de Comunicação, dando autonomia para que o mesmo tenha condições de disponibilizar ações e serviços desenvolvidos pelo governo;
  • Atender à cidade com acesso a internet gratuita, a partir dos ambientes públicos de grande fluxo como escolas, bibliotecas, rodoviária, etc.
  • Criar centros de acesso gratuito à internet nas vilas e comunidades rurais;
  • Incentivar a criação de comissões populares com o objetivo de avaliar e fiscalizar as obras públicas;
  • Transparência nos processos licitatórios, construção de obras, prestação de contas, etc;
  • Aderir ao Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização-GESPÚBLICA do Ministério do Planejamento;
  • Criação da Casa dos Conselhos garantido infra-estrutura básica para o fortalecimento dos conselhos municipais como diretrizes de governo;
  • Fortalecimento das relações com a comunidade e institucionais;
  • Fortalecimento da segurança pública, melhoria nas relações com o Estado, implantação da guarda municipal;
  • Fortalecimento das atividades da Casa do Cidadão;
  • Criar centros de acesso gratuito à internet nas vilas e comunidades rurais;
  • Melhorar o atendimento ao contribuinte, em ações como a ampliação do leque de serviços disponibilizados pela internet e da devolução automática de tributos, multas e tarifas.

Saúde Digna para Todos

  • Expansão da Estratégia Saúde da Família de 07 equipes, 16,5% de cobertura, para 57 equipes, aumentando a cobertura para 90%;
  • Expansão da EACS- Estratégia Agente Comunitário de Saúde, de 141 agentes, cobertura de 43,5%, para 400 agentes, aproximadamente 90% de cobertura;
  • Expansão da Estratégia de Saúde Bucal de 02 equipes, cobertura de 7,5%, para 28 equipes perfazendo uma cobertura de aproximadamente 90% da população;
  • Implantação de 02 NASF – Núcleo de Apoio a Saúde da Família;
  • Implantação de 01 CEO – Centro Especializado de Odontologia;
  • Planejar abertura da UBS em horário estratégico e implantar terceiro turno para melhorar o acesso da população;
  • Ampliar a lista de medicamentos de distribuição gratuita e acrescentar outros suprimentos para portadores de necessidades especiais, como fraldas e insumos básicos;
  • Atuar e desenvolver programas que incentivem a ampliação da oferta de residências médicas focadas na atenção básica e no fortalecimento do médico generalista.

Atenção à Média e Alta Complexidade

  • Buscar parceria com o Estado para operacionalizar o Hospital Municipal transformando-o em Hospital Regional – Micro Região Serra dos Carajás – contribuindo para o fortalecimento da região de saúde Carajás;
  • Buscar parceria com o Estado para implantação de um Hemocentro – Regionalização Micro – Região Serra dos Carajás;
  • Implantação do SAMU 192– Serviço de Atendimento Médico de Urgência – Básico.
  • Promover a política de humanização no SUS;
  • Valorizar o servidor ofertando educação permanente, cursos de especialização e melhoria das condições de trabalho;
  • Implantar o PCCS – Plano de Cargo, Carreiras e Salários;
  • Contribuir com o Fortalecimento do Conselho Municipal de Saúde;
  • Implementar a Estrutura Organizacional da SEMSA;
  • Colocar em funcionamento o Instituto Médico Legal – IML em parceria com o Estado.

Educação para Todos

  • Criar um projeto piloto construindo um Centro de Ensino em tempo integral para o ensino fundamental;
  • Construção e implementação de um centro para desenvolvimento de trabalhos voltado a alunos com necessidade educacional especial.
  • Disponibilizar creches para alunos em idade pré-escolar (crianças de 4 a 5 anos ) melhorando os indicadores sociais;
  • Eliminar o turno intermediário;
  • Melhorar e ampliar o Transporte Escolar,
  • Fortalecer e enriquecer o programa de merenda escolar;
  • Ampliar o atendimento aos alunos com necessidades especiais, tanto no transporte quanto nas atividades educacionais,
  • Prover educação continuada para os servidores (diretores, coordenadores e professores ) conforme diretrizes do MEC – Ministério da Educação e Cultura;
  • Formação continuada para os professores que trabalham com os alunos com necessidades especiais;
  • Implementação da Gestão Escolar com informatização dos serviços;
  • Criar e implantar centros de controle para acompanhamento da evasão escolar.
  • Disponibilizar acesso à internet para todas as escolas da rede municipal;
  • Reforçar parcerias com as instituições de ensino superior, Federais e Estaduais implantando cursos condizentes com a necessidade da economia local;
  • Garantir a implantação do Campus de Parauapebas da UNIFESSPA (Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará), aprovado em Brasília pelo projeto de lei n°2206/11;
  • Garantir a implantação do ITF-PA ( Instituto Técnico Federal) do Pará, que oferte cursos técnicos voltados a necessidade local.

Bem Estar para Todos – Assistência Social e Segurança

  • Manter e ampliar convênios com instituições não-governamentais;
  • Manter e ampliar convênios com agências de empregos, com objetivo de defender a mão-de-obra local promovendo inclusão social;
  • Ampliar o atendimento de programas governamentais como o Pró-Jovem;
  • Implantar Programa Menor Aprendiz para atender jovens de 14 a 18 anos, incentivando a geração de emprego e renda;
  • Ampliar os programas de qualificação e capacitação profissional para a população;
  • Ampliar e aprimorar os serviços prestados à população em situação de rua, com capacitação dos servidores públicos e profissionais das ONGs;
  • Implementar ações e serviços dos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS;
  • Potencializar a Casa do Cidadão, de forma a garantir acesso fácil democrático à emissão de documentos pessoais;
  • Promover o plantão social, fornecer auxílio natalidade, mortalidade e outros;
  • Melhorar as condições do Centro Integrado da Melhor Idade – CIMI;
  • Ampliar o acesso ao Projeto PIPA – Parque Integrado de Inclusão Social de Parauapebas;
  • Promover políticas públicas conforme diretrizes do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – PETI;
  • Melhorias das condições da Casa de Passagem;
  • Melhorias das condições das instalações do Aconchego do Idoso;
  • Ampliar o acesso ao programa de inclusão digital;
  • Fortalecimento dos conselhos Tutelar, Conselho de Assistência Social- COMASP e Conselho Municipal de Pessoa vivendo com Deficiência – CMPD;
  • Fortalecer parcerias com instituições que promovam inclusão social de pessoas com necessidades especiais;
  • Criação da Guarda Municipal;
  • Monitoramento eletrônico em áreas de grande fluxo de pessoas;
  • Promover estratégias para o combate efetivo do tráfico de drogas;
  • Promover ações para recuperação de dependentes químicos;
  • Apoiar os órgãos que promovem segurança em nosso município (convênios com Estado e Federação);

Grandes Obras

  • Construção de mais 12 Unidades Básicas de Saúde, suficiente e compatível para 03 Estratégias da Família em cada unidade;
  • Construção da UPA- Unidade de Pronto Atendimento saúde de complexidade intermediária entre as Unidades Básicas de Saúde/Saúde da Família e a Rede Hospitalar, devendo com estas compor uma rede organizada de atenção às Urgências – 01 Porte II;
  • Construção de um Laboratório Municipal com implantação dos serviços de Preventivo Contra o Câncer do Colo Uterino e Microbiologia;
  • Implantar o Centro de Especialidade Médica;
  • Implantar um Centro de Reabilitação para pessoas vivendo com Deficiência;
  • Implantar o CAPS AD III – Centro de Atenção Psíquico e Social – Álcool e Drogas.
  • Construção da SE – Sala de Estabilização como estrutura que, compondo a rede organizada de atenção às urgências, funcione como local de estabilização de pacientes para posteriormente referenciá-los para a rede de atenção à saúde.
  • Construção de 12 novas unidades escolares para extinguir os anexos e o turno intermediário;
  • Construção de um teatro municipal de médio/grande porte;
  • Criação e construção da Casa de Cultura de Parauapebas, para a manutenção de eventos históricos do município (Museu).
  • Aquisição de área para construção do Estádio Municipal visando atender a jogos oficiais;
  • Construção de Quadras Poliesportivas nas escolas e bairros
  • Construção do Mercado do Produtor Rural (Galpão do Produtor);
  • Construção do centro de Zoonoses;
  • Construção de Fábrica de Ração para barateamento do custo de produção animal e geração de renda com a produção em larga escala;
  • Ampliação e manutenção das estações de tratamento de água e das redes de distribuição, suficiente para atender a demanda da população;
  • Construção de redes de esgoto, com criação de estações de tratamento e canalização da rede de esgoto suficiente para atender a necessidade da população;
  • Ampliação do Programa de Habitação com construção de mais casas populares;
  • Implantação do loteamento popular (Prefeitura abrindo áreas, urbanizando e financiando a baixo custo para famílias que atendam ao programa);
  • Construção e recuperação das vias de acesso à zona rural com pavimentação adequada e pontes de concreto nas vicinais principais;
  • Construção do camelódromo municipal;
  • Construção do aterro sanitário municipal;
  • Construção da Orla, com parcerias a serem firmadas, com Instituições governamentais e não governamentais;
  • Construção da interligação da via paralela a PA 275 ( Rua E até o viaduto);
  • Reestruturação do viaduto, para que o mesmo atenda normas de segurança.

Relacionados