Eleições 2020: Convenções definem cinco candidatos à Prefeitura de Marabá

Agora é pra valer: Tião quer a reeleição, mas Dr. Veloso, Irismar, Rigler e Toni querem o lugar dele. Que comecem os jogos!
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Agora é pra valer. Com o prazo final para as convenções partidárias, assim como em outros mais de 5 mil municípios do País, estão definidos em Marabá os candidatos ao posto de maior autoridade municipal, a ser disputado em 15 de novembro próximo: o prefeito Sebastião Miranda Filho (PSD), Tião Miranda, concorre à reeleição, tendo como candidato a vice, o ex-secretário de Saúde e de Educação Luciano Lopes Dias (Cidadania); o ex-vice-prefeito e deputado estadual Antônio Carlos Cunha Sá (PTB), Toni Cunha, disputa a prefeitura tendo como vice o ex-presidente da OAB-Marabá, Haroldo Gaia; a vereadora Irismar Araújo Melo (PL) tem como candidato a vice Moisés Moura (PL); o médico Manoel Cláudio Furtado Veloso (PSL), Dr. Veloso, será coadjuvado pela candidata a vice Cláudia Cilene Araújo (MDB); e o professor Rigler Aragão (PSOL) disputa a eleição junto com a candidata a vice Kedylen Soares (PSOL).

A chapa de Tião Miranda tem o apoio de nove partidos: PSD, PDT, DEM, PSDB, Cidadania, Republicanos, PC do B, PT e Solidariedade. Toni Cunha tem o apoio do PTB, Patriota, PMN e PSB. Dr. Veloso tem ao seu lado PSL e MDB; Irismar Melo conta com PL e PP; e Rigler Aragão só tem mesmo o PSOL para apoiá-lo.

Em seu discurso, Dr. Veloso atacou a atual administração municipal, chamando as obras do prefeito de maquiagem e mais uma vez usou como cavalo de batalha a saúde municipal. Já Tião Miranda fez uma prestação de contas de tudo o que já executou em três anos e nove meses de governo e lembrou que quando assumiu o “barco estava naufragando”, mas ele calafetou e embarcação, recuperou e agora quer continuar cuidando para que continue a navegar.

De acordo com o Calendário das Eleições 2020, modificado pelo Tribunal Superior Eleitoral, a propaganda eleitoral candidatos se inicia no próximo dia 27 de setembro, inclusive na Internet. Já a data do início da propaganda gratuita no rádio e na televisão é 9 de outubro.

(Foto/ Josseli “Paparazzo” Carvalho)