Duas lideranças da aldeia Assurini morrem de Covid-19 em menos de 24 horas em Tucuruí

A situação dos índios é preocupante, segundo o prefeito de Tucuruí, Arthur Brito, com a propagação do novo coronavírus na aldeia, onde há mais 30 casos suspeitos da doença
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Faleceu neste domingo (24), o segundo índio da etnia Assurini vítima de Covid-19 em menos de 24 horas em Tucuruí, no sudeste do Pará.  Sakamirame Assurini era considerado uma das grandes lideranças da aldeia, que está sendo assolada pelo novo coronavírus, segundo alerta o prefeito de Tucuruí, Arthur Brito.

Ontem (23), foi Ponakatu Assurini que perdeu a luta contra a enfermidade. Ela estava internada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, aguardando transferência para o Hospital de Campanha de Marabá.

A Prefeitura de Tucuruí divulgou nota de pesar, lamentando a morte das duas lideranças indígenas do município. De acordo com Arthur Brito, a situação dos Assurini é extremamente preocupante.

Ele informou que cinco índios já foram infectados pela doença, com dois deles agora vindo a óbito. Ainda há 30 casos suspeitos na aldeia e o risco de disseminação da doença entre eles é muito alto.

(Tina Santos)

Publicidade