Parauapebas

Dois blocos são alvo de recursos no Carnaval de Parauapebas

“Cala Boca e Me Beija” e “Piu Piu” teriam ferido o regulamento da Liga das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos e correm risco de desclassificação

Com 13 anos de história, o Bloco “Cala a Boca e me Beija” pode perder seu segundo título de campeão. O motivo é o recurso impetrado pelo Bloco “Beijou Bye Bye” na LIABESPR (Liga das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos de Parauapebas e Região), solicitando que seja verificado o regulamento e o cumprimento das cláusulas deste. De acordo com Edivan Pessoa, presidente do bloco que está recorrendo, o “Cala a Boca” descumpriu o regulamento ao entrar na avenida usando carro de som próprio.

Ele afirma que a organização do desfile disponibilizou trio elétrico, garantindo igualdade de condições a todos na disputa. “O regulamento determina desclassificação automática”, afirma Edivan, que diz conhecer bem o regulamento, por ser secretário-administrativo da Liga.

De outra parte, Manoel Costa, o popular “Parazinho”, presidente do Bloco “Me Leva”, também fez uma denúncia de irregularidade à Liga: segundo ele, o Bloco “Piu Piu”, segundo colocado na disputa, não usou abadá com o nome da agremiação, tendo apenas uma pequena logomarca como patrocinador.

“Foi acordado em reunião que essa infração daria desclassificação. No entanto, o acordo não foi cumprido”, denuncia “Parazinho”, dando conta de que os blocos que se sentiram prejudicados entraram com recurso na LIABESPR e agora aguardam julgamento.

O presidente interino da Liga, Jean Carlos, disse que, como sempre, há reclamantes e garantiu as denúncias serão avaliadas pela diretoria e, de acordo com o Regimento, será dado um parecer final.

Resultado mantido


Escola campeã – Samba Mocidade do Primavera

Enquanto os recursos são julgados, o resultado é mantido e os, até agora, vencedores seguem comemorando. A escola campeã foi a “Samba Mocidade do Primavera”, acumulando, então, 14 títulos máximos. Este ano a agremiação entrou na avenida na noite de domingo, 3, com o enredo “Dona Marilene do Nordeste ao Norte Lágrima Suor e Conquista”, narrando a história de uma família que veio há 36 anos para Parauapebas, onde ela criou seus filhos, que continuam na cidade, empreendendo e contribuindo para o município.

O bloco vencedor, o “Cala a Boca e Me Beija”, com 13 anos de participação no carnaval de Parauapebas, desfilou com o Tema “No Carnaval Brinque na Avenida; no Trânsito não Brinque com a Vida”.

A Liga não comunicou quando se dará o julgamento dos recursos nem a data no anúncio final.

Deixe seu comentário