Brasil

Dnit apresenta planejamento de obras para bancada do Pará

Bancada indicará as prioridades para 2020, assim como a realização de obras de manutenção e construção de trechos rodoviários e de infraestrutura aquaviária para este ano

A bancada do Pará foi a primeira a participar do ciclo de Planejamento Integrado que a diretoria do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) fará com todas as representações dos Estados no Congresso Nacional. Coordenador da bancada do Pará, o senador Zequinha Marinho (PSC), na companhia do deputado federal Airton Faleiro (PT), foi recebido pelo diretor-geral do órgão, Antônio Leite dos Santos Filho, a fim de identificar as prioridades para 2020 e otimizar os recursos previstos para a realização de obras de manutenção e construção de trechos rodoviários e de infraestrutura aquaviária para este ano.

De acordo com Santos Filho, a aproximação com as bancadas “amplia o conhecimento sobre as obras e projetos em andamento pelo Dnit”. No começo do ano, o governo federal decidiu bloquear em R$ 35 bilhões o Orçamento de 2019 em razão do limite imposto pelo teto de gastos, regra que impede que as despesas do governo subam acima da inflação.

Para as ações de manutenção e conservação rodoviária no Pará, o Dnit terá R$ 419,5 milhões, valor aquém das necessidades mínimas do órgão. A previsão orçamentária do órgão era de R$ 516 milhões.

Na ocasião, a diretoria do Dnit apresentou proposta de remanejamento dos recursos para o Estado do Pará. A sugestão é que as obras sem projeto de engenharia e que não deverão iniciar este ano, tenham seus recursos remanejados para as ações de manutenção de trechos rodoviários e para a construção de pontes de concreto na Rodovia BR-163.

Na condição de coordenador da bancada, o senador Zequinha ficou de levar a proposta para que os parlamentares paraenses possam definir o orçamento deste ano. “É crítica a situação das nossas estradas federais. Vamos lutar para que as ações da manutenção e a realização de obras prioritárias sejam preservadas”, ressaltou o senador.

Por Val-André Mutran – Correspondente do Blog do Zé Dudu em Brasília
Fonte: Com informações da ASCOM – Gabinete do Senador Zequinha Marinho (PSC-PA).

Deixe seu comentário