Com um golaço de Victor Andrade, Remo vence o Cruzeiro no Baenão e sobe mais três posições na Série B

O Leão Azul chegou aos 16 pontos e passa a ocupar a 11ª posição na classificação da competição
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Victor Andrade comemora o golaço que marcou de voleio (Foto: Samara Miranda/Ascom Remo)

Continua depois da publicidade

O Clube do Remo conquistou a sua terceira vitória seguida no Campeonato Brasileiro da Série B, atuando na noite desta terça-feira (20). O Leão Azul venceu o Cruzeiro (MG) por 1 a 0 no Estádio Evandro Almeida, o Baenão, em Belém, em partida válida pela 13ª rodada da competição nacional. Com mais um triunfo, o time azulino chegou aos 16 pontos e passa a ocupar a 11ª posição na classificação, enquanto o Cruzeiro é o 16° colocado, com 11 pontos.

O único gol do jogo saiu aos 23 minutos do primeiro tempo, depois que Felipe Gedoz tocou para Thiago Ennes, que cruzou na medida para o atacante Victor Andrade emendar um lindo voleio, marcando um golaço no Estádio Baenão.  

O Clube do Remo volta a campo diante do lanterna Londrina (PR), na próxima sexta-feira (23), às 16h, no Estádio Municipal Jacy Scaff, o Café, em Londrina. A partida será válida pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. 

O jogo: Leão subindo!

O Cruzeiro tentou chegar com Marcinho, que deu passe longo para Felipe Augusto, mas o goleiro Vinícius saiu bem de sua meta para ficar com a bola. A Raposa chegou com perigo quando Eduardo Brock fez lançamento para Bruno José, que ganhou da marcação e cruzou para área, mas o goleiro Vinícius afastou com os pés. O Remo respondeu depois que o atacante Victor Andrade recebeu na esquerda, se livrou do marcador e chutou fraco para a defesa do goleiro Fábio. 

O jogo era lá e cá e, em mais uma investida mineira, Felipe Augusto tentou o cruzamento, mas o zagueiro Romércio chegou firme para fazer o corte. Outra vez a Raposa chegou com Rômulo, que tentou cruzar e após bate e rebate, o goleiro Vinícius saiu para fazer a defesa. O Leão Azul chegou e foi fatal: Felipe Gedoz deu passe para Thiago Ennes, que cruzou na medida para o atacante Victor Andrade emendar um lindo voleio – golaço no Baenão, aos 23 minutos, 1 a 0 Remo.

O time mineiro tentou o empate com Rafael Sóbis, que finalizou, mas a bola subiu contra a meta remista. O Cruzeiro tentou novamente com Matheus Barbosa, que chutou de fora da área e a bola passou perto da trave do goleiro Vinícius. No segundo tempo, Bruno José cruzou da direita e Rafael Sóbis, sozinho, finalizou para fora. O Leão deu o troco quando Dioguinho fez jogada individual e tocou para Felipe Gedoz, que chutou longe da meta do goleiro Fábio.

A Raposa chegou com Rômulo, que cruzou e a bola bateu no travessão, assustando o goleiro Vinícius. O Remo voltou outra vez com Erick Flores, que em grande jogada individual, tocou para a finalização de Felipe Gedoz; a bola passou perto da meta cruzeirense. O time mineiro pediu pênalti, depois que Bruno José recebeu passe e chutou, a bola explodiu em Igor Fernandes dentro da área, e teria tocado na mão do lateral-esquerdo azulino, mas a arbitragem não marcou e mandou seguir o lance.

O Leão Azul tentou o segundo com Victor Andrade, que fez jogada individual e finalizou para fora. As coisas só pioraram para o Cruzeiro, quando Felipe Gedoz deu um lindo chapéu em Matheus Barbosa, que derrubou o meia azulino e levou cartão vermelho, aos 23 minutos. O Remo voltou novamente com Felipe Gedoz, que arriscou de longe e mandou por cima da meta do goleiro Fábio. 

O Remo teve tudo para marcar o segundo quando Wellington Silva avançou pela direita e rolou para Felipe Gedoz, o meia chutou de primeira e parou na grande defesa do goleiro Fábio. Em mais uma tentativa do Leão, Marlon chutou de fora da área, mas a bola foi para fora. Placar final: Remo 1 x 0 Cruzeiro. 

FICHA TÉCNICA

REMO: Vinícius; Thiago Ennes, Romércio, Kevem e Igor Fernandes (Marlon); Anderson Uchôa, Lucas Siqueira (Marcos Júnior) e Felipe Gedoz; Dioguinho (Wallace), Erick Flores (Arthur) e Victor Andrade (Wellington Silva). Técnico: Felipe Conceição

CRUZEIRO: Fábio; Norberto, Eduardo Brock, Rhodolfo e Jean Victor; Matheus Barbosa, Rômulo (Flávio) e Marcinho (Bissoli); Bruno José (Wellington Nem), Felipe Augusto e Rafael Sóbis (Thiago). Técnico: Mozart

  • Árbitro: Daniel Nobre Bins (CBF-RS)
  • Assistente 1: Tiago Augusto Kappes Diel  (CBF-RS)
  • Assistente 2: Luiza Naujorks Reis (CBF-RS)
  • Árbitro: Ignácio José de Almeida Pedro (CBF-PA)
  • Cartões amarelos: Victor Andrade e Igor Fernandes (Remo); Rafael Sóbis e Matheus Barbosa (Cruzeiro)
  • Cartão vermelho: Matheus Barbosa (Cruzeiro)
  • Gol: Victor Andrade, de voleio, aos 23 minutos do 1° tempo para o Remo
  • Local: Estádio Evandro Almeida, o Baenão, em Belém 

Por Fábio Relvas