Notícias

Aos 23 anos, rapaz tem morte trágica em Goianésia do Pará

“Imaginava que meu filho estava em casa descansado. Nunca pensei em receber uma notícia tão triste para todos nós”. O desabafo é do pai de Wglaysson Muniz de Jesus, 23 anos de idade, vítima de um trágico acidente.  Ele perdeu a vida quando a moto que pilotava bateu de frente com um caminhão carregado de madeira, no início da noite de sábado, 13, na zona rural do município de Goianésia do Pará.

Eustáquio Muniz dos Santos, pai de Wglaysson, conversou com a Reportagem sobre a tragédia. Segundo ele, que soube da fatídica notícia por volta de 19h, o acidente aconteceu na estrada rural de Moram Madeira, cerca de 50 quilômetros da cidade de Jacundá, já na jurisdição do vizinho município de Goianésia do Pará. “Meu último contato com ele foi quando ele disse que estava no velório de um amigo. Imaginei que ele teria vindo pra casa, mas horas depois recebi a triste notícia”.

Wglaysson pilotava uma moto Bros 150cc, cor vermelha, e transportava de carona o amigo Wellington da Silva Santos, 20 anos de idade, neto do ex-vereador Raimundão. Os dois tinham como destino o povoado de Janari, onde se realizava uma festa dançante. Moradores da região contaram que chovia muito e a lama em todo o percurso.

“Tudo indica que ele pilotava com uma velocidade acentuada porque o choque foi frontal”, contou Francisco Pereira, morador próximo à cena do acidente. Com o impacto, a moto ficou destruída e o corpo do jovem de 23 anos de idade ficou dilacerado. O amigo teve fratura na perna direita e um corte superficial na cabeça.

O velório aconteceu à Rua Perpétuo Socorro, no Bairro Bela Vista, onde seu pais moram. O corpo foi sepultado na cidade de Jacundá. Não se tem notícia do motorista do caminhão madeireiro envolvido no acidente.

Deixe seu comentário