Marabá

Alepa vem a Marabá e ouve reivindicações da região

Sessão itinerante teve a participação de lideranças do município e da região. O governador esteve presente e destacou a importância da integração entre o Executivo e o Legislativo

A Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) realizou uma Sessão Especial na Câmara Municipal de Marabá na tarde de ontem, quinta-feira (4). Na oportunidade, os representantes do Legislativo Estadual ouviram as demandas da sociedade local e de outros municípios cujos representantes vieram prestigiar a sessão. O governador Helder Barbalho, que transferiu a sede do poder para a cidade, dentro do programa “Governo por Todo o Pará”, esteve presente na sessão.

Os trabalhos foram conduzidos pelo deputado Dr. Daniel Santos, presidente da Alepa, que veio acompanhado da maioria dos 41 deputados. Dr. Daniel agradeceu a presença do governador e se congratulou com os demais deputados, por entenderem “que ouvir mais de perto a população traz um resultado positivo nas atividades do Parlamento Estadual”.

Helder Barbalho destacou a integração entre o Executivo e o Legislativo, salientando que os dois poderes estão trabalhando juntos na busca de benefícios que tragam soluções para o Estado. “Sei que a Assembleia Legislativa avança nos seus trabalhos. Apresentamos hoje um projeto de lei que permitirá que o Igprev [Instituto de Gestão Previdenciária do Pará] possa renegociar a dívida dos municípios, peço que o parlamento aprecie este projeto”, anunciou o governador.

Para o senador Zequinha Marinho, a presença da Alepa nas regiões sul e sudeste do Estado tem um significado fundamental: “Hoje, aqui em Marabá, a região do Carajás pôde ouvir e dialogar com os deputados, e assim puderam compreender seus anseios na busca de melhorias para a localidade”.

A deputada Nilse Pinheiro, que também é professora, ratificou a importância da Alepa para a região. Reconheceu que são inúmeras as dificuldades da população e disse que é urgente, por exemplo, “que exista uma Delegacia da Mulher atendendo 24 horas”. Ela afirmou que a bancada feminina na Alepa vai fazer com que isso seja uma realidade.

Priscila Veloso, vereadora da Câmara Municipal de Marabá, solicitou a união de forças dos deputados para a luta com a União por mudanças na Lei Kandir, considerada nociva aos municípios mineradores como os desta região.

Alunos da Escola Estadual “Acy Barros” também fizeram reivindicações: solicitaram a reforma do estabelecimento de ensino, que hoje se encontra em péssimas condições. O deputado Toni Cunha fez coro com os estudantes e disse que “infelizmente várias unidades educacionais estaduais necessitam de reformas urgentes”.

Participaram da Sessão Especial os deputados: Ana Cunha, Alex Santiago, Chamonzinho, Chicão, Cilene Couto, Eraldo Pimenta, Dirceu ten Caten, Dilvanda Faro, Dr. Galileu, Dr. Jaques Neves, delegado Caveira, delegado Nilton Neves, Diana Belo, Fábio Figueiras, Fabio Freitas, Gustavo Seffer,  Hilton Aguiar, Heloísa Guimarães, Igor Normando, Junior Hage, Luth Rebelo, Marinor Brito, Michele Begot, Miro Sanova, Orlando Lobato, Ozório Juvenil, Renato Ogawa, Raimundo Santos, Renilce Nicodemos, e Victor Dias; e ainda o secretário Regional de Governo, João Chamon Neto, o presidente da Câmara Municipal de Marabá, vereador Pedro Correa Lima e outros integrantes do Legislativo Municipal.

(Fotos: Ozeias Santos)  

Por Eleutério Gomes – de Marabá

Deixe seu comentário