Parauapebas receberá ONG Ambiental‏

Uma ONG que tem como objetivo defender a fauna e a flora além do meio ambiente. Assim é a ROTA Ambiental que se prepara para abrir uma ramificação em Parauapebas.

A ONG já atua em várias regiões do Estado de Goiás com uma aceitação extraordinária atuando em parceria com as polícias e órgãos governamentais voltados para o meio ambiente como, por exemplo, o IBAMA.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA         “A degradação hoje é grande e nosso propósito é coibir desmatamentos, apreensão e tráfico de animais silvestres, assoreamento de rios etc.”, explica José Eustáquio Lima Ribeiro, diretor presidente da ROTA. Ele conta que todo o trabalho é feito por voluntários recrutados e treinados pela ONG, e com o aval do MP (Ministério Público) e apoio das polícias as ações são realizadas. A entidade tem poder de fiscalização amparada pelo Código Florestal e atua em casos de agressão ao meio ambiente, ajudando órgãos como o IcmBio (Instituto Chico Mendes da Biodiversidade) e IBAMA.

Para a ROTA ser implantada em Parauapebas já está, segundo José Eustáquio, sendo feito os trâmites burocráticos, ação que será seguida da capitação e treinamento dos agentes voluntários que comporão a corporação da ONG. “Antes de entrarem em ação nossos agentes recebem treinamentos para entender o que de fato é a ROTA e ainda quais são suas atribuições. Nossa corporação tem profundo conhecimento de leis ambientais e qual o papel do indivíduo na defesa do meio ambiente”, detalha Eustáquio, explicando ainda que os agentes recebem autoridades tanto através da credencial da ONG como também pelo mandato do MP que avalia a agressão denunciada e autoriza que seja feita a ação.

Eustáquio qualifica ROTA como parceira do MP e de entidades voltadas para a defesa do meio ambiente, e diz ser um grupo de cidadãos que se unem para desempenhar a cidadania ambiental em grupo e de forma organizada. “Muita gente gostaria de combater os desmandos e agressões que constantemente são flagradas, mas se sentem impotentes por si tratar de uma vontade isolada ou dispersa de outras semelhantes. Juntando-se à ROTA este desejo pode se tornar realidade e juntos fazermos um trabalho para o bem de nossa região e de nosso planeta”, orienta Eustáquio, dando conta de que não é possível que os órgãos voltados para a defesa do meio ambiente percebam tanta degradação que ocorrem no dia a dia, e os agentes da ROTA ajudarão exatamente neste controle, observando e denunciando.

A entidade gradua seus agentes com cargos como, por exemplo, delegados e inspetores; e são estes quem comanda as operações. E, segundo Eustáquio, na seleção dos agentes alguns quesitos são observados, entre eles citou a boa índole, certidão de bons antecedentes criminais.

Por Francesco Costa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>