Vale produz 59,1 milhões de toneladas de minério de ferro no Pará no primeiro semestre de 2015

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

A Vale atingiu 159,8 milhões de toneladas (Mt) na produção de minério no primeiro semestre de 2015, o que representa um novo recorde, ficando 9,3 Mt acima do primeiro semestre de 2014. Carajás produziu 59,1 milhões de toneladas no primeiro semestre, o que equivale a 36% da produção total da Vale e um aumento de 12% comparado ao mesmo período de 2014. A empresa segue determinada em oferecer um produto de melhor qualidade e diferenciado, garantindo, desta forma, a competitividade brasileira no mercado de mineração.

Em maio de 2015, foi concedida a licença operacional para a extensão da mina de N5S, que garantirá a melhoria na qualidade média do produto e reduzirá custo de produção devido à menor relação estéril-minério e às menores distâncias médias de transporte. Já por meio da mina de N4WS, que teve licença expedida ano passado, a Vale produziu 9,8 Mt com 65,1% de teor de minério de ferro e baixo nível de fósforo no segundo trimestre de 2015.

S11D

S11D (incluindo mina, usina e logística associada – CLN S11D) está avançando de acordo com o planejado e alcançou 53% de avanço físico consolidado no segundo trimestre de 2015, composto por 67% de avanço físico na mina e 41% na logística. O transporte dos módulos para a área de planta de beneficiamento alcançou 61% de avanço físico e a montagem dos eletrocentros da subestação da mina está em andamento. O ramal ferroviário alcançou 62% de avanço físico e as obras civis de fundação na expansão do porto alcançaram 75% de avanço físico.

Níquel

A produção de níquel alcançou 67,1 mil toneladas no segundo trimestre de 2015, ficando 8,7% acima mesmo período de 2014. Onça Puma produziu 5,9 mil toneladas, em linha com o trimestre anterior e 14,1% acima do segundo trimestre de 2014.

Cobre

A produção de cobre no segundo trimestre de 2015 na mina de Sossego totalizou 29 mil toneladas de cobre contido, sendo 7,0% e 9,6% acima do primeiro trimestre de 2015 e segundo trimestre de 2014, respectivamente. No semestre, Sossego totalizou a produção de 56,2 mil  toneladas, 6,4% a mais que no ano passado. A produção de cobre de Salobo no segundo trimestre de 2015 totalizou 38 mil.

Fonte: Assessoria de Imprensa Vale

Publicidade