Tucumã: Índios Xikrin fazem manifestação em frente ao prédio da Funai

Eles cobram a liberação do recurso de um acordo firmado entre a Vale, Ourilândia do Norte e o Ministério Público Federal (MPF) sobre o projeto Onça Puma
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Índios da etnia Xikrin Cateté realizam, na manhã desta quarta-feira (15), protesto em frente ao prédio da Fundação Nacional do Índio (Funai), em Tucumã, no sudeste do Pará. Eles chegaram cedo e ocuparam a frente do prédio, onde dançam e entoam gritos de guerra.

Até as 10h30, ninguém da Funai havia comparecido ao local para conversar com os indígenas. Segundo eles, a manifestação é cobrando o repasse do recurso de um acordo firmado entre a mineradora Vale, o município de Ourilândia do Norte e o Ministério Público Federal (MPF), sobre o Projeto Onça Puma, que fica na área da Reserva Xikrin.

Os Xikrin há muito vêm protestando e cobrando ações sobre o Projeto Onça Puma. Eles o acusam contaminar as águas do Rio Cateté, que abastece as aldeias da reserva.

Além dos guerreiros das aldeias, a manifestação também conta com a participação de mulheres e crianças. As mulheres estão armadas com facões e, junto aos guerreiros, também entoam cantos de guerra.

Até o momento, a Vale e a Funai não se pronunciaram sobre a manifestação dos índios, que seguem no local.

(Tina Santos)

Publicidade