Tailândia: Preso acusado de estuprar criança de dois anos

O acusado foi preso pela Polícia Civil, no final da tarde desta terça-feira (9), após um trabalho minucioso de investigação. O acusado de iniciou negou o crime, mas depois admitiu que estava bêbado e pode ter violentado a criança
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Uma equipe da Polícia Civil da Delegacia de Tailândia, no nordeste do Pará, prendeu, no final da tarde de ontem (9), Emerson Travassos, de 19 anos. Ele é acusado de ter estuprado uma criança de apenas dois anos de idade.

O crime aconteceu na noite do dia 25 de dezembro do ano passado. O acusado estava com prisão preventiva decretada pela Justiça.

Segundo a Polícia Civil, Emerson era vizinho da vítima, que mora com os pais na vicinal do Badarote, zona rural de Tailândia. Os pais contaram que saíram para festejar o Natal e deixaram a menina e outros dois irmãos dormindo sozinhos na casa.

Ao retornarem, encontraram a criança desacordada e machucada. Eles informaram a situação à polícia e a menina foi levada para o Hospital Geral de Tailândia (HGT), onde foi comprovada a violência sexual.

O caso chocou e causou revolta nos próprios policiais que atenderam a ocorrência. Após o crime, Emerson fugiu da localidade e passou a ser apontado como principal suspeito.

Ao ser preso, ele negou o crime e alegou que fugiu, porque ficou com medo de ser morto. Depois, no entanto, admitiu que estava muito bêbado e pode ter cometido o estupro.

Ele foi ouvido pela polícia ainda ontem e já está à disposição da Justiça.

Por Tina DeBord