Saiba o que é notícia na Capital do Minério neste início de semana

Uepa lançou edital com mais 20 vagas em especialização de Educação Ambiental. Mais tarde, Vale anunciará sua produção para animar o mercado. Saiba como anda a vacinação contra o Sars Cov 2 em Parauapebas.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

PÓS-GRADUAÇÃO

A Capital do Minério está ganhando pós-graduação a rodo, em nível de especialização, pela Universidade do Estado do Pará (Uepa). Nesta segunda-feira (19), foram reabertas as inscrições para 20 vagas remanescentes do curso de especialização em Educação Ambiental, que será realizado no Centro Universitário de Parauapebas (Ceup). As inscrições vão até o dia 2 de maio. A seleção terá três etapas com a última delas, uma entrevista online, a ser realizada nos dias 17 e 18 de maio. O curso é primo-irmão do mestrado em Ciências Ambientais, que a Uepa também pretende trazer a Parauapebas.

200 OPORTUNIDADES

Parauapebas começou 2021 com o pé direito, no que diz respeito à oferta de vagas em pós-graduação 0800, isto é, públicas e gratuitas. A Uepa já fez seleção para os cursos de especialização em Saúde Coletiva e em Gestão Pública (40 vagas em cada); lançou edital para selecionar a turma de especialização em Teorias e Metodologias da Educação Básica (40 vagas); e, agora, abre mais oportunidades para Educação Ambiental (no total de 40 vagas em dois editais). O campus local do Instituto Federal do Pará (IFPA), por seu turno, está ofertando 40 vagas para especialização em Ensino de Ciências da Natureza e Matemática.

BALANÇO DA VALE

A mineradora multinacional Vale divulga hoje (19), após fechamento dos mercados, seus relatórios de produção e vendas referentes ao 1º trimestre de 2021. Já o relatório de desempenho financeiro será divulgado na próxima segunda (26), também após fechamento dos mercados. O Blog do Zé Dudu dá uma prévia da produção de minério de ferro da Vale na região de Carajás: 23,77 milhões de toneladas de produção física na Serra Norte de Carajás, em Parauapebas; e 17,22 milhões de toneladas na Serra Sul, em Canaã dos Carajás. A Vale não detalha números de produção por município (apenas por operações), ainda assim é esperado que sejam reportados pela multinacional 40 milhões de toneladas de minério de ferro no Pará nos primeiros três meses deste ano.

R$ 144 MI EM 3 MESES

Esse é o valor contratado em produtos e serviços pela Prefeitura de Parauapebas junto a fornecedores no primeiro trimestre deste ano. Em número exato, foram R$ 143.959.969,11. O desembolso — que não tem ajuste contábil — é referente tanto a contratos novos quanto a aditivos. As empresas Construmabe, com R$ 23 milhões, e LG Serviços e Locações, com R$ 17,72 milhões, reinam como as que mais faturaram em contratos iniciados ou que receberam “plus” do dia 1º de janeiro para cá. Em três meses, a Prefeitura de Parauapebas fez ao menos 158 enlances contratuais (média de três a cada dois dias) e 127 pagamentos foram efetuados, animando os privilegiados clientes de uma das 40 prefeituras mais ricas do Brasil.Se fosse uma pessoa física, a Prefeitura de Parauapebas ganharia com folga da Gretchen e do Fábio Júnior em número de casórios.

DMTT

O Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) de Parauapebas retoma nesta segunda-feira, 19, os atendimentos presenciais dos serviços oferecidos ao público. Os usuários serão atendidos apenas mediante agendamento, que é uma forma de impedir aglomerações e evitar a propagação da Covid-19. Para acessar o site e saber como fazer agendamento clique aqui.

Covid-19 em alta

Os casos de contaminação pelo Sars Cov 2 (novo coronavírus), que provoca a covid-19 continuam em alta em Parauapebas. Nos últimos sete dias foram contabilizados 1099 novos casos, além da morte de 15 pacientes com a doença. A taxa geral de ocupação de leitos no município está em 75%, sendo que leitos de enfermaria SUS: 100%; UTI SUS: 100%; enfermarias particulares: 44%; UTI particular: 80%. A UPA está com atendimento exclusivo para pacientes portadores do vírus. O serviço é ofertado 24h.

Vacinação

A Secretaria de Saúde de Parauapebas ainda está vacinando a população da faixa etária entre 65 e 69 anos essa semana, e informa que ainda tem 250 doses pra esse público que ainda não compareceu e está sendo aguardado até a próxima sexta-feira. Depois dessa data, o saldo da faixa etária anterior vai ser usado para dar início à vacinação da população entre 60 e 64 anos. A Semsa informa que é importante fazer o agendamento (nas Unidades de Saúde do município), já que o frasco da vacina utilizada contém 10 doses e tem validade de 6 horas após sua abertura. Daí a necessidade de uma programação bem feita para que não haja desperdício.

Seminário indígena

Nesta terça-feira, 20 de abril será realizado 1º Seminário de Educação Escolar Indígena de Parauapebas. O evento é uma iniciativa da Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) – Setor de Educação Escolar Indígena (SEEI) -, que objetiva valorizar ainda mais a educação indígena, além de suscitar debates e reflexões acerca da temática. O evento será totalmente online e a transmissão ocorrerá pelo canal da Semed no Youtube.