Remo vence o Paragominas no Mangueirão e confirma o primeiro lugar do Grupo A1

Os gols do Leão foram assinalados por Echeverría e Emerson Carioca em cada tempo
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Imprimir

Continua depois da publicidade

O Clube do Remo entrou em campo na tarde deste domingo (31), diante do Paragominas, no Estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém, precisando vencer para confirmar o primeiro lugar dentro do Grupo A1. O Leão Azul não teve dificuldades e venceu o Jacaré do Norte, por 2 a 0, em partida válida pela décima e última rodada da fase de classificação do Campeonato Paraense.

Os azulinos marcaram um gol a cada tempo de jogo. O meia paraguaio Echeverría abriu o placar cobrando pênalti, aos 30 minutos do 1° tempo, e o atacante Emerson Carioca marcou de cabeça, após cobrança de escanteio de Echeverría, aos sete minutos da etapa derradeira.

Com o resultado, o Remo chegou aos 19 pontos, assumindo o primeiro lugar dentro do Grupo A1. O Leão Azul vai enfrentar o Bragantino nas semifinais, que terminou em segundo lugar com 15 pontos. Já o Paragominas acabou eliminado ainda na primeira fase ficando em terceiro lugar dentro do Grupo A2 com 16 pontos.

Antes da bola rolar, a diretoria do Clube do Remo apresentou o atacante Edno como novo reforço para o temporada de 2019. Edno tem 35 anos e já passou pelo Leão Azul em 2016 na disputa do Campeonato Brasileiro da Série C daquele ano.

O jogo: Leão 2 x 0 Jacaré – Que venha o Tubarão!

O Clube do Remo buscava a vitória para confirmar o primeiro lugar do Grupo A1. O Leão Azul chegou primeiro com Echeverría, que deu bom passe para Lailson, o meia mandou um chute forte e parou na boa defesa do goleiro Paulo Rafael. O Paragominas respondeu com o habilidoso meia Felipinho, que mandou um chute de fora da área e obrigou o goleiro Vinícius a espalmar para escanteio.

Os azulinos chegaram novamente, quando Alex Sandro deixou Emerson Carioca na cara do gol, o atacante remista acabou parando em outra grande defesa de Paulo Rafael, que fechou o ângulo. O Remo era superior em campo. Lailson arriscou de longe, o goleiro Paulo Rafael bateu roupa e defendeu em dois tempos. Em outra chegada do Leão, Emerson Carioca foi derrubado pelo lateral-direito Michel dentro da área, o árbitro Wasley do Couto Leão não titubeou e marcou pênalti.

O meia paraguaio Echeverría chamou a responsabilidade cobrou com muita categoria e abriu o placar no Mangueirão, aos 30 minutos, 1 a 0 Leão. Logo em seguida, Kaíque recebeu lançamento e ficou sozinho com o goleiro Vinícius, mas exagerou no chute e mandou para fora. Uma grande chance perdida pelo Jacaré. No segundo tempo, o PFC começou a se soltar mais em campo, só a vitória interessava para buscar uma possível classificação.

O atacante Wilker tocou bola para Felipinho, o goleiro Vinícius saiu esperto no lance e abafou a jogada. Mas quem marcou mesmo foi o Leão. Echeverría cobrou escanteio e Emerson Carioca subiu de cabeça para marcar o segundo gol, aos sete minutos, 2 a 0 Leão. Em uma jogada mais forte, o atacante Wilker do Paragominas e o zagueiro Marcão do Remo se desentenderam em campo. Final de jogo: Remo 2 x 0 Paragominas.

FICHA TÉCNICA

REMO: Vinícius; Geovane, Fredson, Marcão e Tiago Félix; Yuri, Pingo, Echeverria (Vacaria) e Lailson (Mário Sérgio); Emerson Carioca e Alex Sandro (Hélio). Técnico: Márcio Fernandes

PARAGOMINAS: Paulo Rafael; Michel, Elson, Renan e Otávio (Ilaílson); Marcus Vinícius, Kaíque, Bené e Felipinho (Dioguinho); Wilker e Jack Than (Everson Bilau). Técnico: Samuel Cândido

Árbitro: Wasley do Couto Leão – CBF

Assistentes: Rafael Bastos Cardoso – CBF e Jhonathan Leone Lopes

Quarto árbitro: Olivaldo José Alves Moraes

Cartões amarelos: Echeverría, Fredson e Pingo (Remo); Ilaílson, Michel e Wilker (Paragominas)

Gols: Echeverría, de pênalti, aos 30 minutos do 1° tempo; Emerson Carioca, de cabeça, aos 7 minutos do 2° tempo para o Remo.

Local: Estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém

Classificação final da 1ª fase do Parazão 2019

Grupo A1

1° Remo: 19 pontos

2° Bragantino: 15 pontos

3° Águia: 13 pontos

4° Castanhal: 11 pontos

5° São Francisco: 6 pontos

Grupo A2

1° Paysandu: 22 pontos

2° Independente: 17 pontos

3° Paragominas: 16 pontos

4° Tapajós: 8 pontos

5° São Raimundo: 4 pontos

Por Fábio Relvas / Fotos: Samara Miranda – Ascom do Remo

Publicidade

Relacionados