Remo e Castanhal vencem e Paragominas empata pelo Campeonato Brasileiro das Séries B e D

O Leão Azul despachou o CSA no Baenão, enquanto que o Japiim é o líder geral da Série D e o Jacaré saiu do G4
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Renan Gorne marcou o gol da vitória do Remo (Foto: Samara Miranda)

Continua depois da publicidade

Mais três equipes do futebol paraense atuaram neste domingo (1°) no Campeonato Brasileiro. Pela Série D, o Paragominas recebeu o Palmas (TO) na Arena Verde, em Paragominas, pelo Grupo 2, enquanto o Castanhal visitou o Atlético (AC) no Estádio Antônio Aquino Lopes, o Florestão, em Rio Branco, pelo Grupo 1. Ambas as partidas foram válidas pela nona rodada. Já o Clube do Remo encarou o CSA (AL) no Estádio Evandro Almeida, o Baenão, pela 15ª rodada da Série B.

Paragominas 1 x 1 Palmas

O Paragominas abriu o placar com Daylon, aos 24 minutos do primeiro tempo. O Palmas foi para cima e reagiu rapidamente com o gol de empate assinalado por Tchô, cobrando pênalti aos 29 minutos, ainda da etapa inicial. Placar final: Paragominas 1 x 1 Palmas.

Paragominas cedeu empate e saiu do G4 da Série D (Foto: Divulgação/Palmas)

Com o empate, o Paragominas deixou o G4 do Grupo 2, passando a ocupar o sexto lugar, com dez pontos, enquanto o Palmas é o sétimo, com oito pontos. O Paragominas volta a campo diante do Juventude Samas (MA), no próximo domingo (8), às 16h, na Arena Verde, em Paragominas. O duelo será válido pela décima rodada da competição nacional. 

Atlético 0 x 1 Castanhal

O Castanhal chegou primeiro e se mandou para o ataque com Pecel, mas a arbitragem marcou impedimento. O time do Atlético deu o troco quando Marcelo Pano tocou para o chute de Ciel, mas a bola passou sem perigo contra a meta de Axel Lopes. Na segunda tentativa, Ciel recebeu dentro da área e finalizou para a defesa do goleiro Axel Lopes, quase fazendo o primeiro gol do jogo. O Galo Carijó começou a gostar da partida e Daniego entrou livre, mas finalizou fraco para a defesa de Axel Lopes. 

Quem marcou foi o Japiim da Estrada: Willian Fazendinha recebeu passe e ficou sozinho para marcar com categoria, aos 20 minutos, 1 a 0 Castanhal. Luiz Henrique tentou o empate, mas o chute saiu em cima do goleiro Axel Lopes. Após lambança na saída de bola da equipe acreana, Pecel pegou a redonda e chutou na trave do goleiro Miller. Willians tentou marcar de longe para o time paraense – o goleiro Miller conseguiu salvar para escanteio.

Castanhal venceu mais uma e disparou na liderança (Foto: Manoel Façanha)

Só dava Castanhal. Lukinhas também arriscou de fora da área, o goleiro Miller espalmou e a bola saiu pela linha lateral. O time da casa quase empatou no último lance do primeiro tempo: depois que Léo cruzou e Lelo cabeceou firme, o goleiro Axel Lopes salvou a pátria. No segundo tempo, a partida caiu de intensidade. O Castanhal até tentou ampliar quando Leandro Cearense tocou na esquerda para o chute de Lukinhas, mas o goleiro Miller espalmou. Placar final: Atlético 0 x 1 Castanhal.

Com a vitória, o Castanhal assumiu a liderança geral da Série D, somando 23 pontos e líder disparado dentro do Grupo 1, enquanto o Atlético do Acre amarga a lanterna, com apenas quatro pontos. O Castanhal volta a campo diante do Ypiranga (AP), no próximo domingo (8), às 18h, no Estádio Estadual Milton de Souza Corrêa, o Zerão, em Macapá. A partida válida será pela décima rodada da Série D. 

Remo 1 x 0 CSA

O CSA chegou primeiro com Renato Cajá, que chutou de fora da área, mas a bola subiu e se perdeu pela linha de fundo. O Remo chegou, e foi fatal: Igor Fernandes deu lançamento na frente e a bola ficou com Erick Flores, que se livrou da marcação, deixando Renan Gorne sozinho para mandar para o fundo do barbante, aos oito minutos, 1 a 0 Leão. O time alagoano tentou o empate, depois que a bola foi cruzada da direita e Aylon chegou batendo, mas a arbitragem assinalou impedimento. 

O Leão Azul quase ampliou, quando Arthur deu belo lançamento para Renan Gorne, que chutou cruzado – a bola passou por toda a defesa do CSA e não tinha ninguém do Remo para concluir em gol. A equipe alagoana quase empatou: Gabriel recebeu na esquerda e chutou colocado, mas a bola passou perto da meta do goleiro Vinícius. No segundo tempo, Lucas Tocantins fez boa jogada individual e chutou cruzado; o goleiro Thiago Rodrigues defendeu e deu rebote, mas a zaga conseguiu cortar para escanteio.

O time alagoano buscava o empate. Renato Cajá chutou de longe e a bola passou com perigo contra a meta do goleiro Vinícius. Na reta final de espetáculo, o Leão Azul foi para o ataque com Lucas Tocantins, que fez boa jogada pela esquerda e chutou cruzado; a bola passou por Wellington Silva que não conseguiu finalizar. 

Em uma cobrança de escanteio, Arthur levantou na área e o zagueiro Rafael Jansen cabeceou, mas a bola bateu na trave. Quase o segundo gol do Leão Azul. Na cobrança de falta dentro da área remista, a zaga não cortou e, depois do bate e rebate, Dudu Beberibe cabeceou para a defesa de mão trocada do goleiro Vinícius. O Azulão do Mutange quase empatou depois da cobrança de falta do zagueiro Fabrício, porém, o goleiro Vinicius defendeu em dois tempos e salvou o Leão novamente.

O Remo teve chance de ampliar com uma cobrança de escanteio curto, em que Rafael Jansen bateu de primeira e o goleiro Thiago Rodrigues fez uma grande defesa, salvando o que seria o segundo gol remista. Placar final: Remo 1 x 0 CSA. 

Com o triunfo, o Leão Azul subiu uma posição e ocupa o 12° lugar, com 19 pontos, enquanto o CSA ficou em 13°, com 18 pontos. O Clube do Remo volta a campo diante do Operário (PR), na próxima sexta-feira (6), às 16h, no Estádio Evandro Almeida, o Baenão, em Belém. A partida será válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. 

Por Fábio Relvas